1. UM AMIGO ENTRE OS LÍRIOS

  1. Entre os lírios, no meio dos vales

‘Stá um amigo, que é caro p’ra mim;

Quero segui-Lo, isento dos males,

Vê-Lo no Céu, com os anjos enfim.

MEU SALVADOR JESUS, Ó FILHO DO BOM DEUS;

GRAÇAS POR TUA LUZ, QUE VEIO DOS CÉUS!

POR MIM PROVASTE A CRUZ,

POR MIM MORRESTE, JESUS!

  1. Hoje Te busco, ó vem revelar-me

A luz divina onde estás, meu Jesus,

Com Teu rebanho vem já a levar-me

Para o rio que vida produz.

  1. Ouve-me agora, Jesus mui amado,

Deixa-me Teu grande amor desfrutar;

Não mais me ‘scondas Teu rosto adorado,

Pois me chamaste p’ra me libertar.

  1. A voz de Cristo é p’ra mim mais preciosa

Que a voz dos anjos; e do sol a luz,

Não tem o brilho da face radiosa

Quando sorri meu amado Jesus

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *