1. A MÃO DO ARADO!

  1. Quem sua mão ao arado já põe,

Constante precisa ser;

O sol declina e, logo após,

Vai escurecer.

Avante, em Cristo pensando,

Em oração vigiando,

Com gozo e amor trabalhando,

P’ra teu Senhor.

  1. Não desanimes, por, ser tua cruz

Maior que a de teu irmão

A mais pesada levou teu Jesus,

Te consola, então;

A tua cruz vai levando,

Como Jesus perdoando,

Alegremente andando

P’ra o lindo céu.

  1. Sé bom soldado de Cristo Jesus,

Sofrendo as aflições,

Não sufocando a mensagem da cruz,

Nas perseguições;

Vai Seu amor proclamando,

Novas de paz, sim, levando,

Aos que estão aguardando

A salvação.

  1. Quando, enfim, tu largares a cruz,

Jesus te coroará;

Com santo gozo em glória e luz

Te consolará.

Esquecerás teus lidares,

Tribulações e pesares,

Quando no céu desfrutares,

Perfeita paz.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *