Que diremos, pois? Que há injustiça da parte de Deus? De maneira nenhuma!