A Origem da Babilônia

Leitura Diária
Gênesis 11.
1 E era toda a terra de uma mesma língua e de uma mesma fala.
2 E aconteceu que, partindo eles do oriente, acharam um vale na terra de Sinar; e habitaram ali.
3 E disseram uns aos outros: Eia, façamos tijolos e queimemo-los bem. E foi-lhes o tijolo por pedra, e o betume por cal.
4 E disseram: Eia, edifiquemos nós uma cidade e uma torre cujo cume toque nos céus, e façamo-nos um nome, para que não sejamos espalhados sobre a face de toda a terra.
5 Então desceu o Senhor para ver a cidade e a torre que os filhos dos homens edificavam;
6 E o Senhor disse: Eis que o povo é um, e todos têm uma mesma língua; e isto é o que começam a fazer; e agora, não haverá restrição para tudo o que eles intentarem fazer.
7 Eia, desçamos e confundamos ali a sua língua, para que não entenda um a língua do outro.
8 Assim o Senhor os espalhou dali sobre a face de toda a terra; e cessaram de edificar a cidade.
9 Por isso se chamou o seu nome Babel, porquanto ali confundiu o Senhor a língua de toda a terra, e dali os espalhou o Senhor sobre a face de toda a terra.
Reflexão

O relato de Gênesis 11.1-9 é uma passagem bíblica significativa que narra a origem da Babilônia e a construção da Torre de Babel. Este trecho oferece uma visão profunda sobre as ações humanas e a intervenção divina, revelando aspectos importantes da história antiga e das crenças teológicas.

A Torre de Babel: Um Símbolo de Ambição Humana

Segundo a passagem de Gênesis 11.1-9, toda a terra tinha uma única linguagem e um único modo de falar. Os homens decidiram construir uma cidade e uma torre cujo topo atingisse os céus, com o intuito de alcançar a grandeza e evitar a dispersão. A Torre de Babel se tornou um símbolo da ambição humana e da tentativa de igualar-se ao divino.

A Intervenção Divina e a Dispersão

Deus, ao observar a construção da torre, percebeu a unidade e o potencial ilimitado dos homens. Para impedir que eles alcançassem seus objetivos por meio de sua própria força, Deus confundiu suas línguas, fazendo com que não entendessem mais uns aos outros. Como resultado, as pessoas se dispersaram pela face da terra, interrompendo a construção da torre e marcando o início das diferentes nações e línguas.

Significado e Impacto de Gênesis 11.1-9

O relato da Torre de Babel em Gênesis 11.1-9 tem um profundo impacto cultural e religioso. Ele explica a diversidade de línguas e culturas no mundo e oferece uma lição sobre os limites do orgulho e da ambição humana. Além disso, a passagem destaca a importância da humildade e da submissão à vontade divina, valores centrais na tradição judaico-cristã.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima