TEXTO ÁUREO:

“Ninguém vos domine a seu bel-prazer, com pretexto e humildade e culto aos anjos, metendo-se     em coisas que não viu; estando debalde inchado na sua carnal compreensão”  (Col. 2:18)

 

VERDADE PRÁTICA:

O Mormismo é uma religião politeísta, cujos adeptos usam termos cristãos com outros     significados, para facilitar seu trabalho de prosetilísmo.

 

Leitura:

Fábulas e Genealogias NÃO servem de guia. (1 Tm. 1:3-4)

As Trevas e seus aliados. (2 Co. 11:4)

Materialismo não provém de Deus (Jo. 4:24)

Casamento só ocorre nesta vida (Lc. 20:34-36)

Só a Bíblia é o livro de Deus (Is. 34:16)

Endeusamento Humano vem de Belial  (Gn. 3:4-5)

GALATAS 1:6-9

Estou admirado de que tão depressa estejais desertando daquele que vos chamou na graça de Cristo, para     outro evangelho, o qual não é outro; senão que há alguns que vos perturbam e querem perverter o evangelho     de Cristo. Mas, ainda que nós mesmos ou um anjo do céu vos pregasse outro evangelho além do que já vos     pregamos, seja anátema. Como antes temos dito, assim agora novamente o digo: Se alguém vos pregar outro     evangelho além do que já recebestes, seja anátema.

 

INTRODUÇÃO:

 

O Mormismo é conhecido como a Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias.     Há muitas  crenças que seus adeptos desconhecem, principalmente as que já foram     abandonadas. Já ensinaram, por exemplo, que a lua era habitada. Quanto à Poligamia,     defenderam-na como prática lícita. No âmbito teológico, apregoam que Jesus Cristo não     foi gerado pelo Espírito Santo, que há pecados que o Sangue de Jesus não pode purificar,     etc.

ORIGEM:

 

  1. Fundador: O Norte-Americano JOSEPH SMITH JR, nasceu em 23 de dezembro de 1805, e morreu em 27 de junho de 1844, num cárcere. Seus adeptos alegam que, numa     visão, em 1820, Joseph Smith teria visto o Pai e seu filho Jesus Cristo. Perguntou-les,     então, qual era a religião verdadeira. Como resposta, ele teria ouvido que todas as igrejas     haviam apostatado da fé, e que seus credos eram uma abominação. O apóstolo mórmon     David O. Mckay afirmou: “A aparição do Pai e do Filho a Joseph Smith é o fundamento     desta igreja”.

 

  1. Visão das Placas de Ouro: Há outra versão de que essa visão teria ocorrido em 1823, quando Joseph Smith tinha 17 anos. Alegam que ele recebeu a visita de um estranho anjo chamado Morôni, o qual lhe revelou a existência de um livro, escrito em placas de ouro, e que se achava no monte Cumorah, nas proximidades de Palmyra, Nova Iorque. Traduzidas as Placas, deram origem ao “Livro de Mórmon”.

 

  1. Organização: A presidência da Igreja de Mórmon é a sua autoridade máxima, constituída de seu profeta e seus secretários. O Mormismo jacta-se ao declarar que é a única igreja a ter profetas e apóstolos, pois mantém um quorum de doze apóstolos. A Bíblia destrói a pretenção deles porque “profetas e apóstolos”, embora apareçam em Efésios 4:11, são pedras que formam um fundamento da igreja, sendo Jesus Cristo a Pedra Angular (Ef. 2:20). A Igreja tem um só fundamento (1 Co. 3:11). Por isso não ordenamos ninguém ao cargo de apóstolo nem profeta.

 

  1. O Templo: Existe um templo-sede em cada País. A sede mundial está em SALT LAKE, capital do Estadu de Utah, EUA. Nele são realizados os rituais secretos: Batismo   pelos Mortos, Batismo por Procuração e Casamento para a eternidade em casal que      compromete-se a não contrair novas núpcias em caso de viuvez, para encontrarem-se no     céu. JESUS, porém, disse que casamento é coisa deste mundo e não do vindouro (Lc.     20:34-36).

FONTE DE AUTORIDADE NO MORMISMO:

 

  1. O LIVRO DE MÓRMON: O Mormismo concidera o Livro de Mórmon, acima da Bíblia. O artigo 8 das Regras de Fé declara: “Cremos ser a Bíblia a palavra de Deus, o quanto     seja correta sua tradução; cremos também também ser o Livro de Mórmon a Palavra de     ” Exige restrições para se crer na Bíblia, entretanto, para o livro de mórmon não há     restrições, engraçado né…

 

  1. Doutrina e Convênios: Contém 138 seções divididas em versículos. São as “revelações” de Joseph Smith, que tratam sobre a Doutrina de Deus, da Igreja, do sacerdócio, da ressurreição, do homem após à morte e dos diferentes níveis da Salvação. Batismo pelos Mortos (seções 124, 127 e 128), matrimônio celestial (seção 132, 19, 20), Poligamia (seção 132, 61, 62).

 

  1. Pérola de Grande Valor: Este Livro, tão conceituado entre os Mórmons, já foi amplamente desmascarado como fraude, apesar de Joseph Smith alegar tê-lo traduzido milagrosamente para o Inglês a partir de escritas hieróglificas egípcias.

 

O LIVRO DOS MÓRMON X BÍBLIA:

 

  1. Autenticidade da Bíblia: A Bíblia, desde que foi escrita, nunca precisou de alterações. Esta é uma das evidências que ela é o eterno e infalível livro de Deus. Os Mórmons, porém, não podem dizer isto do seu livro. A primeira edição do livro de Mórmon, teve 3.913 mudanças, a edição atual tem textos completamente diferentes da primeira edição.

 

  1. Falácia do Livro de Mórmon: A Origem do Livro de Mórmon não pode ser comprovada. Não existe o idioma “egípcio reformado”, mencionado alí. O Livro de Mórmon, segundo eles, foi escrito em 421 dC, Como pode o tal livro reproduzir textos da versão      inglesa do Rei Tiago, que só viria a surgir em 1611? Nada dos relatos do Livro de Mórmon      pôde ser confirmado até agora. Ainda não se descobriu nenhuma cidade sequer das trinta      de oito mencionadas no Livro de Mórmon.

DOUTRINA MORMISTA:

Deus:

 

Os Mórmons têm deuses para todos os gostos. Uma declaração básica do livro deles aforma que: “Como o homem é; Deus foi; Como Deus é; o homem poderá vir a ser.” -> Eles não reconhecem o conceito Bíblico de Deus, e daí negam a Trindade.  A Bíblia ensina que há um só Deus Verdadeiro e que ele é UNO, mas subexiste em três      pessoas destintas. Deus é Onipotente é infinito, Ele é Espírito e portanto não tem carne      nem osso, sua Glória enche os Céus e a Terra… Além dEle não há outro.

Jesus Cristo:

 

O Jesus dos Mórmons, não é o mesmo da Bíblia. Eles pregam um Jesus Polígamo, cuja única diferença deles sobre Cristo é uma Blasfêmia; inclusive sua concepção virginal. Usam de muitas palavras de fé cristã, com sentidos trocados. O Jesus na Bíblia é o Criador de Todas as Coisas, inclusive do mundo espiritual, e o Jesus da Bíblia foi gerado pelo ESPIRITO SANTO DE DEUS.

Salvação:

 

A Salvação para os Mórmons pode ser GERAL ou INDIVIDUAL. Geral   significa que, na consumação dos séculos, os incrédulos serão castigados e depois   liberados para a salvação. Pregam que não há salvação sem a Igreja de Mórmon.

Sacerdócio De Arão E Melquisedeque:

 

Todos os mórmons recebem o sacerdócio de Arão e depois de Melquisedeque. A Bíblia porém, diz que o sacerdócio de Arão foi REMOVIDO (Hb. 7;7-13) e o de Melquisedeque é exclusivamente de Cristo (Hb. 7:24). A palavra “perpétuo”, que no NOVO TESTAMENTO original só aparece nesta   passagem, tem o sentido de instransferíbilidade. Eles dizem exercer um sacerdócio que foi      removido e outro que só pertencem à Cristo. Isso prova que o Mormista desconhece à  Bíblia, e por isso elaboram GRAVES erros.

 

CONCLUSÃO:

 

Como o Mormismo é uma seita missionária, precisamos prevenir os membros de nossa    Igreja para que se precavenham, e jamais se deixem levar por estes enganos. Este é o      nosso grande desafio. É necessário pois anunciar o EVANGÉLHO DE CRISTO antes que      a seara seja semeada com Jôio.

 

 

2 opiniões sobre “Mormonismo”

  1. Obrigada por publicar algo sobre minha religião Cristã. Vou citar apenas algumas (e existem muitas) das infelizes inverdades neste texto, porém se quiser saber mais, pode entrar em contato comigo. Por exemplo no final onde é citado sacerdócio Mórmon… o sacerdócio do qual os homens dignos são portadores, é o mesmo Sacerdócio que Jesus Cristo possuiu. Outra questão é sobre Jesus Cristo ter sido casado. Em nenhum momento é defendido esta tese, principalmente que era casado com várias mulheres. Jamais afirmamos que Elohim foi Adão ou que Jesus foi gerado através de ato sexual de Deus a mãe celestial. Cremos que a Expiação de Jesus Cristo começou no Getsêmani quando suou sangue e terminou na crucificação. A Igreja foi fundada e organizada por Jesus Cristo quando esteve na terra. Temos a mesma organizou que Ele orientou, conforme a bíblia ensina, por isso tem o nome revelado e dado Por Ele: A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias. Temos reuniões todos os domingos onde “todos” são bem vindos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *