A humanidade passa por grandes opressões, decorrentes das catástrofes,
guerras, corrupção, violência urbana, injustiças sociais,
carestia, decadência moral, falta de emprego, etc. Isso leva todos a
suspirarem por um mundo melhor em que a paz finalmente reine.
Em 1991 — depois da queda do Muro de Berlim, na Alemanha,
e do esfacelamento da URSS —, o presidente dos Estados Unidos,
George Bush (pai), empregou o termo “Nova Ordem Mundial”
em alusão ao período em que as nações se unirão para alcançar
as universais aspirações humanas de paz, segurança e liberdade.
Desde então, essa expressão usada por Bush tem recebido várias
definições, que, em alguns momentos, se intercambiam.
Segundo a Bíblia, somente o Senhor Jesus, ao implantar na Terra
o seu Reino Milenar, satisfará plenamente os anseios de paz, segurança
e liberdade, instaurando uma Nova — e definitiva — Ordem
Mundial. Os esotéricos definem esse desejado período como uma
Nova Era (ou Era de Aquário), por trás da qual existe um movimento
político, social, económico, financeiro, religioso e mundial.
As aspirações dos aquarianos por uma Nova Era são motivadas,
sobretudo, pelas ideias propagadas pela Sociedade Teosófica,
fundada em 1875, em Nova York, Estados Unidos, por Helena
Petrovna Blavatsky. As doutrinas e os princípios teosóficos procedem
nitidamente de adaptações de enunciados antropocêntricos
e do paganismo oriental. EJes estão presentes nas falsas religiões,
em algumas igrejas pseudo-evangélicas, em boa parte da política e
da imprensa, em escolas (não todas, é evidente), em vários divertimentos,
em boa parte dos meios de comunicação de massa, na
ciência, na literatura, na indústria, na música e no esporte.
Em escatologia, o termo “Nova Ordem Mundial” tem sido usado
para designar a plataforma de ascensão do Anticristo, que deste
mundo exercerá o domínio como preposto do Dragão (Satanás),
depois que a igreja sair da Terra (Lc 21.36; Ap 13-19). Entretanto,
o Anticristo vem para encabeçar uma Desordem Mundial.
Cons-cientemente ou não, grandes mcntalidades, verdadeiros
génios de todos os campos do saber humano, já estão a serviço
do futuro governo da Besta.
Colaboram antecipadamente com a tríade satânica — que será
formada por Dragão (Diabo), Besta (Anticristo) e Segunda Besta
(Falso Profeta) — escritores, jornalistas, estadistas, educadores, financistas,
teólogos, economistas, investidores, cientistas, atores, empresários,
etc. De maneira sutil, porém eficaz, agem no mundo, através
da diplomacia, da movimentação de dinheiro, da tecnologia e de
projetos que visam à pretensa paz mundial, preparando o mundo
para a chegada do “homem do pecado”. Segundo a Bíblia, já ocorre
uma ação anticristã camuflada (2 Ts 2.3-9; 1 Jo 4.3), a qual antecede
a manifestação aberta do Anticristo e do Falso Profeta (Ap 13).
Os pregadores do terror, por sua vez, afirmam que a Nova Ordem
Mundial é o governo da extinta sociedade secreta dos
illumi-natis. E dizem que isso representará a concretização dos
planos dos bilderbergs. Tomando como base a mencionada
declaração de George Bush, fazem uma série de especulações a
respeito do império do Anticristo e vêem o predomínio das
sociedades secretas nos governos, ONGs, empresas, escolas,
igrejas, produtos, etc.
Cristãos desavisados se assustam com vídeos a respeito da
Nova Ordem Mundial e do fim do mundo, pelos quais se assevera:
“O fim já começou”. Não há dúvida de que vivemos nos últimos
dias. E eles são descritos na Bíblia como trabalhosos, difíceis e perigosos
para o povo de Deus (1 Tm 4.1-3; 2 Tm 3.1-5). Mas quem
dá crédito à escatologia aterrorizante acaba não atentando para
os sinais relacionados com o começo do fim. Isso mesmo: sinais
do começo!
A pós-modernidade tem se notabilizado pelo progresso no uso
da imagem. E o Diabo — evidentemente — sabe tirar proveito
disso, através de símbolos místicos impregnados de influência maligna
para orientar a mente humana. Mas não precisamos sair pelo
mundo à procura de empresas, atores, jogadores de futebol, escritores,
pastores ou instituições que sejam maçons ou illuminatis.
Isso já é paranóia.
Calma… É apenas o Começo
Diferentemente do que afirmam os “terrólogos” de plantão,
o fim ainda não chegou. A Palavra de Deus mostra que estamos
vivendo os últimos dias que antecedem o início de uma série de
eventos escatológicos. E há servos do Senhor que, em vez de ficarem
atentos aos sinais do Arrebatamento previstos nas Escrituras,
estão cada vez mais aterrorizados com especulações e
invencioni-ces que a nada levam.

 

fonte: Erros Escatológicos que os Pregadores Devem Evitar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *