Podem os atrib u ir a origem do judaísm o a M oisés, p o r volta do século 15 a.C., em bora m u itas
m odificações tenham ocorrido desde sua form a original até nossos dias. O judaísm o é a p rática
da lei m osaica, conform e contida nos cinco prim eiros livros do A ntigo T estam ento— cham ados
de Pentateuco. Som ado a estes, estão os livros dos profetas e os cham ados escritos. Tais livros
sagrados têm determ inada sua fé milenar.
A palavra judaísm o deriva da trib o de Judá, descendentes do filho de Jacó, com o m esm o
nom e da tribo. Depois do cativeiro babilónico (605-535 a.C.), os descendentes de A braão passaram
a ser denom inados judeus, pelo fato de a m aioria deles ser da trib o de Judá. Sua religião ficou
conhecida com o judaísm o.
O judaísm o aceita todos os 39 livros do A ntigo Testam ento com o sagrados, m as rejeita com ­
pletam ente a m ensagem do Novo Testam ento. Isto porque, em bora com ungue com o cristianism
o a respeito da fé no Messias, não reconhece na pessoa de Jesus de N azaré este Messias.
D efinitivam ente m onoteísta em sua crença e prática, o judaísm o crê em u m D eus Todo-Poderoso,
invisível, transcendente e pessoal. N ão aceita, todavia, a d o u trin a da T rindade divina. Em
diversos pontos, seu credo é igual ao do cristianism o. Crê em anjos, dem ônios, na providência, na
ressurreição dos m ortos, no juízo final, etc.
Pelo fato de possuir um a história m arcada pela instabilidade política e pela dispersão, o ju ­
daísm o sofreu transform ações contínuas na m aioria de seus rituais e práticas, pois se viu, m uitas
vezes, im pedido de praticar sua fé. Apesar de guardarem um a unidade m aior do que as outras religiões
que se faccionaram , os judeus tam bém se dividiram em vários segm entos: ortodoxos, liberais,
cabala, etc.
O judaísm o, com raras exceções, ainda é a religião exclusiva de um a etnia: os judeus, descendentes
físicos de Abraão.

FONTE: APOLOGETICA ICP

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *