Lucas 14.7-14
Quando alguém o convidar para um banquete de casamento, não
ocupe o lugar de honra, pois pode ser que tenha sido convidado alguém de
maior honra do que você.
Se for assim, aquele que convidou os dois virá e lhe dirá: “Dê o lugar a
este”. Então, humilhado, você precisará ocupar o lugar menos importante.
Mas quando você for convidado, ocupe o lugar menos importante, de
forma que, quando vier aquele que o convidou, diga-lhe: “Amigo, passe para
um lugar mais importante”. Então você será honrado na presença de todos
os convidados.
Pois todo o que se exalta será humilhado, e o que se humilha será
exaltado.
Então Jesus disse ao que o tinha convidado: “Quando você der um
banquete ou jantar, não convide seus amigos, irmãos ou parentes, nem seus
vizinhos ricos; se o fizer, eles poderão também, por sua vez, convidá-lo, e
assim você será recompensado. Mas, quando der um banquete, convide os
pobres, os aleijados, os mancos, e os cegos. Feliz será você, porque estes
não têm como retribuir. A sua recompensa virá na ressurreição dos justos”.

Explicação: Jesus critica o conceito de honra baseado no orgulho e
ambição, que geram aparências de justiça, mas escondem os maiores
contrastes sociais. A honra do homem depende de Deus, o único que
conhece a situação real e global do homem; essa honra supera a crença que
o homem pode ter nos seus próprios méritos. Jesus mostra que o amor
verdadeiro não é comércio, mas serviço gratuito, pois o pobre não pode
pagar e o inimigo não pode merecer. Só Deus pode retribuir ao amor

gratuito.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *