Fidelidade nos dízimos

Leitura Diária 

Malaquias 3.
7 Desde os dias de vossos pais vos desviastes dos meus estatutos, e não os guardastes; tornai-vos para mim, e eu me tornarei para vós, diz o Senhor dos Exércitos; mas vós dizeis: Em que havemos de tornar?
8 Roubará o homem a Deus? Todavia vós me roubais, e dizeis: Em que te roubamos? Nos dízimos e nas ofertas.
9 Com maldição sois amaldiçoados, porque a mim me roubais, sim, toda esta nação.
10 Trazei todos os dízimos à casa do tesouro, para que haja mantimento na minha casa, e depois fazei prova de mim nisto, diz o Senhor dos Exércitos, se eu não vos abrir as janelas do céu, e não derramar sobre vós uma bênção tal até que não haja lugar suficiente para a recolherdes.

Reflexão

Quando se trata de práticas religiosas, a fidelidade nos dízimos é um tema de grande importância e significado para muitas pessoas. Através da passagem bíblica de Malaquias 3.7-10, encontramos orientações claras sobre a fidelidade nos dízimos e as bênçãos associadas a ela.

Siga o canal “Leitura Diária da EBD” no WhatsApp: CLIC AQUI

Compreendendo Malaquias 3.7-10

Malaquias 3.7-10 oferece uma visão profunda sobre a fidelidade nos dízimos e a promessa de bênçãos divinas. Nesta passagem, somos chamados à fidelidade e encorajados a confiar na provisão de Deus quando honramos nossos dízimos.

O Significado de Ser Fiel nos Dízimos

Ser fiel nos dízimos vai além de uma simples prática financeira. Reflete a nossa confiança e obediência a Deus, reconhecendo que tudo o que temos vem d’Ele. A fidelidade nos dízimos é uma expressão tangível de gratidão e reverência a Deus, demonstrando nossa disposição em honrá-Lo com nossos recursos.

Quando somos fiéis nos dízimos, estamos participando ativamente da obra de Deus, contribuindo para o sustento da igreja e o alcance de suas atividades e ministérios. Essa fidelidade demonstra nosso compromisso com a missão da igreja e nosso desejo de ver o Reino de Deus sendo estabelecido na Terra.

As Bênçãos da Fidelidade nos Dízimos

Em Malaquias 3.10, somos desafiados a testar a fidelidade de Deus ao trazermos os dízimos para Sua casa. A promessa de bênçãos abundantes é proclamada, mostrando que a fidelidade nos dízimos não é apenas uma prática de obediência, mas também um meio pelo qual experimentamos a generosidade e fidelidade de Deus em nossas vidas.

Essas bênçãos podem se manifestar de diversas formas, incluindo a provisão financeira, proteção, direção e paz interior. Ao sermos fiéis nos dízimos, abrimos espaço para que Deus derrame Suas bênçãos sobre nós, demonstrando Sua fidelidade e cuidado em todas as áreas de nossas vidas.

Conclusão

A fidelidade nos dízimos, como descrita em Malaquias 3.7-10, é um princípio fundamental que transcende a prática financeira e se estende à nossa fé e confiança em Deus. Ao sermos fiéis nos dízimos, não apenas honramos a Deus com nossos recursos, mas também abrimos as portas para Suas bênçãos e demonstramos nossa devoção ao Seu Reino.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima