1 Você sabia que a Bíblia declara que a pessoa que não
ama a Cristo é maldita? Veja isso em (1 Co. 16.22).

 

2 Você sabia que o pecado de Adão e Eva foi muito mais
que comer um fruto proibido? Veja bem:
2.1 0 pecado consistiu em desobedecer a Palavra revelada por
Deus (Gn. 2.16-17).
2.2 0 pecado consistiu em crer na mentira de Satanás (Gn. 3.4).
2.3 O pecado consistiu em colocar suas vontades acima da vontade
de Deus (Gn. 3.6; 2.16-17).

 

3 Você sabia que alguns homens na Bíblia ficaram conhecidos
por causa de seus traços físicos? Veja bem:
3.1 Naamã – por ser “leproso” (2 Rs. 5.1).
3.2 Mefibosete – por ser “deficiente físico” (2 Sm. 9.3, 6).
3.3 Bartimeu – por ser “cego” (Mc. 10.46).
3.4 Golias – por sua grande estatura (1 Sm. 17.23).
3.5 Zaqueu – por sua pequena estatura (Lc. 19.3).
3.6 Eglom – por ser “gordo” (Jz. 3.17).
3.7 Eúde – por ser “canhoto” (Jz. 3.15).
52 CURIOSIDADES BÍBICAS
3.8 Absalão-por sua “cabeleleira” (2 Sm. 14.26; 18.9).
3.9 Esaú-por ser” peludo” (Gn.. 25.25).
3.10 Sansão – pela incrível força física (Jz. 16.29-30).

 

4 Você sabia que alguns homens da Bíblia ficaram caracterizados
pelo caráter e personalidade? Veja bem:
4.1 Jacó – por sua “astúcia” (Gn. 27.19).
4.2 Moisés – por sua “mansidão” (Nm. 12.3).
4.3 Tomé – por sua “dúvida” (Jo. 20.27).
4.4 Salomão – por sua “sabedoria” (1 Rs. 3.28).
4.5 Jônatas – por sua “amizade” – 1 Sm. 18.3-4).
4.6 Natanael – por sua “sinceridade” – Jo. 1.47).
4.7 Jonas – por sua “relutância” – Jn. 1.1-3).
4.8 Apoio – por sua “eloquência” (At. 18.24).
4.9 Gideão – por ser “valoroso” (Jz. 6.12).
4.10 Isaque – por sua “serenidade” (Gn.. 24.63).
4.11 Barnabé – por ser “magnâmimo” – At. 11.24-25).
4.12 Ló – por ser “egoísta” (Gn.. 13.10-11).
4.13 Siméia – por sua “sagacidade” (2 Sm. 13.3).
4.14 Saul – por sua “desobediência” (1 Sm. 15.23-24).
4.15 Pedro – por sua “impulsividade” (Mt. 14.28-29).
4.16 Davi – por sua coragem e bravura (1 Sm. 17.32-36).
4.17 José – por ser “sonhador” (Gn.. 37.19).
4.18 Daniel – por sua “firmeza” (Dn. 1.8).
4.19 Jeremias – por ser “emotivo” (Jr. 9.1).
4.20 Samuel – por sua “honestidade” (1 Sm. 12.1-5).
4.21 Abraão – por sua “fé” (Rm. 4.11-21).
4.22 Paulo – por ser “laborioso e incansável” (1 Co. 9.16-27).

 

5 Você sabia que Ninrodefoi o primeiro “protótipo” bíblico
do anticristo? Veja bem:
5.1 Ninrode foi o primeiro homem a ser “poderoso na terra” (Gn.. 10.8).
5.2 O anticristo será o último homem a ser poderoso na terra (2
Ts. 2.8-9).
5.3 Ninrode foi o primeiro homem a fundar um reino na terra
(Gn.. 10.10).
ERIVALDO DE JESUS 53
5.4 O anticristo será o último homem à fundar um reino na terra
(Ap. 17).
5.5 Babel foi o princípio do reino de Ninrode (Gn. 10.10)
5.6 Babilônia será o final do reino do anticristo (Ap. 18.9-10).
5.7 O Senhor destruiu o sistema babélico de Ninrode (Gn.
11.8-9).
5.8 O Senhor destruirá o sistema babilónico do Anti-Cristo (Ap.
18.21).
$

 

6 Você sabe que o nome de Deus é ilustrado em várias partes
da Bíblia de acordo com a sua manifestação em socorro
e providência? Observe bem:.
6.1 Jeová-Jireh – O Senhor proverá (Gn.. 22.14).
6.2 Jeová-Ráfa – O Senhor que te sara (Êx. 15.26
6.3 Jeová-Nissi – O Senhor é a nossa bandeira (Êx. 17.15).
6.4 Jeová-Mekadeshem – O Senhor que santifica (Lv. 20.8).
6.5 Jeova-Eloheka – O Senhor teu Deus (Dt. 16. 16).
6.6 Jeová-Shalom – O Senhor a nossa paz (Jz. 6.24).
6.7 Jeová-Ra-Ah – O Senhor é o meu Pastor (Sl. 23.1).
6.8 Jeová-El – O Senhor é Deus (Sl. 31.5).
6.9 Jeová-Adonai – O Senhor é o meu Mestre (Gn.. 15.8).
6.10 Jeová-Hossenu – O Senhor Nosso Deus (Sl. 95.6-7).
6.11 Jeová-Jah – O Senhor é o único independente (Sl. 68.4).
6.12 Jeová-Shamah – O Senhor está ali (Ez. 48.35).
6.13 Jeová-Tsidkenu – O Senhor é a nossa justiça (Jr. 23.6).
6.14 Jeová – Nokah – O Senhor te guiará (ls. 58.11).
6.15 Jeová-Sabaoth – O Senhor dos exércitos (Zc. 4.6; Is. 1.9).
6.16 Jeová-Gemulá – O Senhor te recompensará (Jr. 51.56).

 

7 Você sabe por que Isaías é chamado o “Profeta Evangélico”
do Antigo Testamento? Observe bem:
7.1 Nenhum profeta do Antigo Testamento escreveu tanto sobre
o Messias como escreveu Isaías.
7.2 Isaías falou do nascimento virginal de Jesus (Is. 7.14; Lc. 1.26
-37).
7.3 Isaías falou da unção especial que estaria sobre Jesus (Is.
11.2; Is. 61.1-2; Lc. 4.14-21).
54 SUPER INTERESSANTE
7.4 Isaías falou da “voz profética” de João Batista, o precursor de
Jesus [Is. 40.3 e Mt. 3.3).
7.5 Isaías falou que o Messias concentraria mais o seu ministério
na região da Galiléia (Is. 9.1; Mt. 4.12-17).
7.6 Isaías falou do grande ministério de milagres do Messias (Is.
35.5-6; Mt. 11.25).
7.7 Isaías falou que Ele ficaria mudo perante seus acusadores (Is.
53.7; Mt. 27.12-14).
7.8 Isaías falou que Ele seria açoitado (Is. 53.5; Mt. 27.26).
7.9 Isaías falou que Ele seria esbofeteado e cuspido (Is. 50.6; Mt. 26.67).
7.10 Isaías falou que Ele seria crucificado entre malfeitores (Is.
53.12; Mt. 27.38).
7.11 Isaías falou que Ele intercederia pelos transgressores (Is.
53.12 eLc. 23.34).
7.12 Isaías falou que colocaria o corpo de (Jesus) na sepultura de
um rico (Is. 53.9; Mt. 27.57-60).
7.13 Isaías falou que Ele (Jesus) seria maravilhoso (Is. 9.6; Mc. 7.37).
7.14 Isaías falou que (Jesus) seria Conselheiro (Is. 9.6; Lc. 23.12).
7.15 Isaías falou que (Jesus) seria Deus Forte (Is. 9.6; Mt. 28.18).
7.16 Isaías falou que (Jesus) seria Pai da Eternidade (Is. 9.6; Jo. 5.
21-29
7.17 Isaías falou que (Jesus) seria Príncipe da Paz (Is. 9.6; Jo.
14.27).
7.18 Existem ainda muitas outras coisas que Isaías falou sobre a
pessoa e o ministério de Jesus, 700 anos antes dos acontecimentos.
Por isso, Isaías é com muita propriedade reconhecido
como o “Profeta Evangélico do Antigo Testamento!

 

8 Você sabe por que Jesus condenou a “mornidão espiritual”
dos crentes da Igreja de Laodicéia? Observe bem:
8.1 “Morno” é quase quente ou quase frio – Portanto, não é nem
uma coisa e nem outra (Ap. 3.15-16).
8.2 Perto de Laodicéia havia uma fonte de “água mineral morna e
esmética”. Está fonte de água mineral morna e esmética pró­
ximo a Laodicéia, fazia o viajante cansado e sedento ter
“nojo” daquelas águas. Este é o “nojo” que Jesus sente para
com uma igreja espiritualmente morna.
8.3 Jesus está a ponto de vomitar uma igreja morna que Ele já
vem suportando há muito tempo. Como o viajante sedento
ERIVAT.DO DEJESUS
sentia náuseas daquelas águas mornas próximo a Laodicéia,
assim Jesus sente náuseas de uma igreja morna (Ap. 3 .1(>).

 

9 Você acha que Jesus foi muito duro quando chamou o
pastor de Laodicéia de “infeliz, miserável, pobre, cego e
nú”? Veja bem:
9.1 Laodicéia era uma das cidades mais ricas da Ásia Menor, que
orgulhosamente recusou a ajuda financeira de Roma, quando
foi destruída por um terremoto em 60 d.C. Ouro, produção de
lã e fabricação de remédios, eram as três maiores fontes de riqueza
desta cidade.
9.2 Jesus condenou a auto-suficiência do pastor de Laodicéia, poise
orgulhar de pastorear uma igreja rica (Ap. 3.17).
9.3 Jesus chamou de “infeliz” porque a riqueza material dos Laodicenses
não os deixavam felizes.
9.4 Jesus o chamou de “miserável”, porque não repartiam suas riquezas
com os irmãos das igrejas pobres. Por isso Jesus chamou
os crentes pobres de Esmirna de “ricos” (Ap. 2.9), e os
crentes ricos de Laodicéia de “pobres” (Ap. 3.17).
9.5 Jesus o chamou de “pobre”, porque eram ricos materialmente,
porém, pobres espiritualmente. Mesmo negociando ouro
em seu famoso centro bancário, os crentes de Laodicéia precisavam
negociar com Cristo o verdadeiro “ouro refinado pelo
fogo”, somente assim, seriam tidos como ricos (Ap. 3.18).
9.6 Jesus o chamou de “cego”, porque embora se negociasse em Laodicéia
uma substância farmacêutica que era reduzida a pó misturada
com água e aplicada aos olhos, todavia, os crentes e o
seu pastor continuavam cegos espiritualmente. Precisavam comprar
de Jesus “colírio para ungirem os olhos”, pois somente assim
seriam curados da falta de visão espiritual (Ap. 3.18).
9.7 Jesus o chamou de “nú”, porque embora se produzisse em Laodicéia
muita lã para fabricação de roupas, os crentes de Laodicéia
continuavam “nus” espirituahnente. Precisavam comprar
de Jesus “vestiduras brancas” para se vestirem, pois somente
assim cobririam sua nudez espiritual. Leia cuidadosamente
(Ap. 3.17-18).

 

10 Você sabe por que o Salmo 22 c considerado o “Salmo
da Crucificação de Jesus”? Veja bem:
10.1 Veja as palavras que Jesus proferiu ao Pai na hora da agonia
(Sl. 22.1, Mt. 27.46).
56 SUPER INTERESSANTE
10.2 As palavras de zombaria que os escarnecedores diziam de Jesus
quando Ele estava sendo crucificado (Sl. 22.7-8; Mt.
27.41-42).
10.3 A atitude dos soldados ao repartirem as vestes de Jesus (Sl.
22.18; Mt. 27.35).
10.4 Suas mãos e pés transpassados na cruz (Sl. 22.16; Mt. 27.35; Jo. 20.20, 25).10.5 O seu lado ferido pelo soldado com uma lanca (Sl. 22.14; Jo. 19.34).
10.6 Sua língua apegada ao céu da boca por causa da sede intensa
(Sl. 22.15; Jo. 19.28-29).
10.7 Seus ossos permaneceram inteiros (Sl. 22.17; Jo. 19.31-33,36).

 

11 Você sabia que apesar do nome de Jesus só aparecer no
Novo Testamento, Moisés como o escritor das primeiras
palavras da Bíblia, já tinha mencionado o nome de Jesus
no Antigo Testamento? Observe bem:
11.1 Dentre outros exemplos que pode ser citado, gostaria de destacar
o exemplo de seu sucessor “Josué” (Nm. 13.16).
11.2 No texto de Números 13.16, está escrito que Moisés mudou o
nome de seu sucessor “Oséias”, filho de Num, para “Josué”
que em hebraico é “IESHUA”, o mesmo substantivo do nome
“Jesus”. Isso confirma a profecia de Moisés em Dt. 18.15: “O
Senhor teu Deus te suscitará um profeta do meio de ti, de teus
irmãos, semelhante a mim: a ele ouvirás”.
11.3 Profeticamente, Moisés previu que “Ieshua” (Josué) um tipo
de Jesus seria (como de fato foi) o seu único sucessor (Js.
1.1-9).
11.4 De fato o Senhor Jesus foi o único que sucedeu Moisés, cumprindo
o pacto do Sinai (Mt. 5.17) e estabelecendo o seu novo
pacto no Calvário (Mt. 26.28; Jo. 19.28, 30; Hb. 8.6-13). Moisés
implantou o judaísmo no Antigo Testamento e Jesus implantou
o Cristianismo no Novo Testamento. A lei foi dada
por intermédio de Moisés; a graça e a verdade vieram por intermédio
de Jesus Cristo (Jo. 1.17).
11.5 Assim como Moisés só conseguiu levar o povo até a fronteira
da terra prometida, entregando o povo a Josué (Ieshua), para
que o mesmo introduzisse o povo na terra de Canaã (Dt. 34.4,
9), assim também, a Lei do Sinai não pode salvar ninguém,
apenas serviu como “aio” até Jesus Cristo, o único “Josué”
que nos pode introduzir na Canaã Celestial (Gl. 3.24; 4.26;
6.16; 4.4-6). Jesus Cristo é o tema central da Bíblia e o cum­
ERIVALDO DEJESUS 57
primento final de todas as promessas. Leia (Jo. 5.39; Lc.
24.44; 2 Co. 1.19-20).

 

12 Você sabia que após o pecado quem procurou primeiro
o homem foi Deus? Veja bem:
12.1 O homem tendo errado, deveria primeiro ter procurado a
Deus para acertar a sua situação, em vez disso se escondeu
(Gn. 3.8-10).
12.2 Na história da redenção é Deus que primeiro vai ao homem
(Rm. 5.8; 1 Jo. 4.19) “Ele nos amou primeiro!”

 

13 Você sabia que Jesus Cristo possui quatro filiações na
Bíblia? Aprenda o seguinte:
13.1 “Filho do homem” era o título humano predileto de Jesus e
foi citado 185 vezes na Bíblia (Lc. 17.22-30).
13.2 “Filho de Deus” era o título Divino de Jesus e foi citado 44 vezes
na Bíblia (Jo. 1.34).
13.3 “Filho de Davi” era o título Messiânico de Jesus e foi citado 21
vezes na Bíblia (Mc. 9.47).
13.4 “Filho de Abraão” era o título Israelita de Jesus e foi citado
unicamente para indicar a “árvore genealógica” da humanidade
de Jesus (Mt. 1.1).

 

14 Você sabia que nem Satanás conseguiu descobrir onde o
corpo de Moisés foi sepultado? Aprenda isso lendo ÍJd.
1.9; Dt. 34.6).

 

15 Você sabia que Deus rejeita qualquer voto, dízimo ou
ofertas que tenham como origem o dinheiro ganho através
de prostituição ou homossexualismo? Veja isso lendo
Dt. 23.18.

 

16 Você sabe qual “prostituta” na Bíblia que se tornou “ascendente”
de Cristo por salvar a vida de dois homens israelitas?
Descubra isso lendo Js. 2.1-24; 6.17; Mt.1.5.

 

17 Você sabia que apenas “sete homens” na Bíblia foram
chamados de “Homem de Deus”? Aprenda o seguinte:
17.1 Moisés (Dt. 33.1; Js. 14.6).
17.2 Samuel (1 Sm. 9.6).
17.3 Davi (2 Cr. 8.14).
17.4 Elias (2 Rs. 1.9-13)
58 SUPER INTERESSANTE
17.5 Eliseu (2 Rs. 4.7-9)
17.6 Semaías (1 Rs. 12.22)
17.7 Jigdalias (Jr. 35.4)

 

18 Você sabe o que na Bíblia é “mais longa do que a terra e
mais larga do que o mar”? Aprenda isso lendo Jó 11.8-9.

 

19 Você sabia que o melhor rendimento e a melhor remuneração
da Bíblia é o salário pago pela sabedoria? Descubra
esta verdade lendo Pv. 8.18-21.

 

20 Você sabia que cada “pedra preciosa” citada na Bíblia
possui uma significação espiritual? Descubra o seguinte:
20.1 O “Jaspe” significa “paixão” (Ap. 21.19).
20.2 A “Safira” significa “verdade” (Ap. 21.19).
20.3 A “Calcedônia” significa “Pureza” (Ap. 21.19).
20.4 A “Esmeralda” significa “Esperança” (Ap. 21.19).
20.5 O “Sardônio” significa “Amor” (Ap. 21.20).
20.6 O “Sárdio” significa “Purificação” (Ap. 21.20).
20.7 O “Crisólito” significa “Glória manifesta” (Ap. 21.20).
20.8 O “Berilo” significa “Prosperidade” (Ap. 21.20).
20.9 O “Topázio” significa “Alegria do Senhor” (Ap. 21.20).
20.10 O “Crisópraso” significa “Paz que sobrepuja todo entendimento”
(Ap. 21.20).
20.11 O “Jacinto” significa “Promessa de glória futura” (Ap. 21.20).
20.12 A “Ametista” significa “Magnificência” (Ap. 21.20).

 

21 Você sabia que existem cerca de 489 mandamentos dados
por Jesus? Aprenda o seguinte, o Dr. Taylor dividiu
os mandamentos de Jesus nas seguintes classes:
21.1 Mandamentos Particulares
21.2 Mandamentos Hiperbólicos
21.3 Mandamentos Evangélicos
21.4 Mandamentos Morais
21.5 Mandamentos Eclesiásticos
21.6 Mandamentos Sociais
21.7 Mandamentos Cívicos
21.8 Mandamentos Práticos
ERIVALDO DEJESUS 59
21.9 Mandamentos Devocionais
21.10 Mandamentos Ministeriais
21.11 Mandamentos Missionários
21.12 Mandamentos Domésticos
21.13 Mandamentos Confortadores
21.14 Mandamentos Escatológicos

 

22 Você sabia que o livro de Apocalipse tanto contrasta
como também se assemelha muito com o livro de Gênesis?
Aprenda o seguinte:
22.1 Em Gênesis Deus criou os céus e a terra (Gn. 1.1).
22.2 Em Apocalipse Deus faz novo céu e nova terra (Ap. 21.1).
22.3 Em Gênesis Deus chamou ao ajuntamento das águas mar
(Gn. 1.10).
22.4 Em Apocalipse o mar já não existe (Ap. 21.1).
22.5 Em Gênesis Deus chamou às trevas noite (Gn. 1.5).
22.6 Em Apocalipse não haverá mais noite (Ap. 21.25).
22.7 Em Gênesis Deus fez aparecer o sol e a lua (Gn. 1.16).
22.8 Em Apocalipse não necessitará nem do sol e nem da lua (Ap.
21.23).
22.9 Em Gênesis Deus disse: “No dia em que dela comeres, morrerás”
(Gn. 2.17).
22.10 Em Apocalipse Deus disse: “Não haverá mais morte” (Ap.
21.4).
22.11 Em Gênesis a mulher foi castigada com a multiplicação das
dores (Gn. 3.16).
22.12 Em Apocalipse não haverá dor (Ap. 21.4).
22.13 Em Gênesis a terra foi amaldiçoada por causa do pecado (Gn.
3.17)
22.14 Em Apocalipse não haverá maldição (Ap. 22.3).
22.15 Em Gênesis a antiga serpente, o Diabo, aparece como enganador
da humanidade (Gn. 3.1-4).
22.16 Em Apocalipse a antiga serpente, que se chama Diabo, desaparecerá
para sempre (Ap. 20.10).
22.17 Em Gênesis, o homem foi afastado da árvore da vida (Gn.
3.22-24).
22.18 Em Apocalipse o homem é aproximado da árvore da vida (Ap.
22.2).
60 SUPER INTERESSANTE
22.19 Em Gênesis o homem foi proibido de comer do fruto da árvore
da vida (Gn. 3.24).
22.20 Em Apocalipse o homem pode comer do fruto da árvore da
vida (Ap. 2.7).
22.21 Em Gênesis o homem foi expulso da presença de Deus (Gn.
3.23).
22.22 Em Apocalipse o homem verá a face de Deus (Ap. 22.4).
22.23 Em Gênesis a primeira habitação do homem foi num jardim a
beira de um rio (Gn. 2.10).
22.24 Em Apocalipse a eterna habitação do homem redimido será junto
a um rio que corre para sempre do Trono de Deus (Ap. 22.1).
22.25 Em Gênesis Abraão aguardava a cidade da qual Deus é o
Arquiteto e Edificador (Gn. 12.1-3; Hb. 11.8-10).
22.26 Em Apocalipse Deus apresenta a Cidade Santa, a Nova Jerusalém
que desce do céu (Ap. 21.2).
22.27 Em Gênesis ocorre o casamento do primeiro Adão (Gn.
2.22-25).
22.28 Em Apocalipse ocorre o casamento do segundo Adão (Ap.
19.9; 21.9; 2 Co. 11.2; 1 Co. 15.47).
22.29 Em Gênesis Abraão ficou de luto pela morte de sua esposa
Sara, tendo chorado e pranteado por ela (Gn. 23.1-4).
22.30 Em Apocalipse já não haverá luto, nem pranto (Ap. 21.4).
22.31 Em Gênesis José chorou a morte de seu pai Jacó durante sete
dias (Gn. 50.1, 10).
22.32 Em Apocalipse Deus enxugará dos olhos toda lágrima (Ap.
21.4).
22.33 Em Gênesis aconteceram as primeiras coisas: O primeiro casamento
(Gn. 2.22-25), o primeiro pecado (Gn. 3.1-19), o
primeiro homicídio (Gn. 4.8), o primeiro nascimento (Gn.
4.1), etc.
22.34 Em Apocalipse as primeiras cousas passaram (Ap. 21.4).
22.35 Em Gênesis Babel foi o primeiro projeto humano contra Deus
(Gn. 11.1-8).
22.36 Em Apocalipse Babilônia será o último projeto humano contra
Deus, que mais uma vez será frustrado (Ap. 17 e 18).
22.37 Em Gênesis todas as tribos e nações foram dispersadas por
toda aterra (Gn. 11.8-9).
22.38 Em Apocalipse todas as tribos, povos, línguas e nações foram
ajuntadas diante do Trono de Deus e do Cordeiro (Ap. 7.9).
ERIVALDO DEJESUS 61
22.39 Em Gênesis o Senhor Deus é o Alfa, o princípio, o primeiro
(Gn. 1.1).22.40 Em Apocalipse o Senhor Deus é o Ômega, o fim, o último (Ap.22.13).

 

23 Você sabia que existem cerca de 8.810 promessas na Bí­
blia? Aprenda o seguinte:
23.1 Destas 8.810 promessas, 85% delas foram feitas por Deus ao
homem. Isto significa que Deus fez ao homem cerca de 7.487
promessas.
23.2 Destas 8.810 promessas, 11% delas foram uma pessoa fazendo
promessa a outra pessoa. Isto significa que o homem fez
ao seu próximo cerca de 991 promessas.
23.3 Destas 8.810 promessas, existem 290 promessas feitas pelo
homem a Deus, destas 235 promessas que o homem fez a
Deus encontram-se no Livro de Salmos.
23.4 Destas 8.810 promessas, existem 2 promessas feitas por Satanás
(Mt. 4.9; 2 Cr. 18.20-21).
23.5 Destas 8.810 promessas, existem 28 promessas feitas pelos
anjos, estando 23 delas no Evangelho de Lucas.
23.6 O Antigo Testamento tem 7.706 promessas e o Novo Testamento
possui 1.104 promessas.
23.7 Nos três Profetas Maiores (Isaías, Jeremias e Ezequiel), contém
3.086 promessas, sendo 35% o total de promessas.
23.8 O capítulo da Bíblia que contém o maior número de promessas
é Deuteronômio 28 (133 promessas), o segundo é Levítico
26 (94 promessas). Praticamente cada versículo do Salmo
37 é uma promessa. A Bíblia é mesmo um livro de infalíveis
promessas (1 Rs. 8.56).
23.9 Alguns teólogos são mais otimistas ainda e admitem que a Bí­
blia possui 33.000 promessas nos seus 31.173 versículos!

 

24 Você sabe quais os “sete livros” mais importantes da
“biblioteca do céu”? Aprenda o seguinte:
24.1 Dentre os livros da biblioteca celestial que serão abertos no Juízo
Final, o mais importante é o “livro da vida”, o grande “best-seller”
da biblioteca do céu (Ap. 20.12, 15; Lc. 10.20; Fp. 4.3).
24.2 O segundo livro importante da biblioteca do céu é o “livro das
obras” (Ec. 12.14; Ap. 20.13).
24.3 O terceiro livro da biblioteca do céu é o “livro dos nossos dias”
(SI. 139.16).
62 SUPER INTERESSANTE
24.4 O quarto livro da biblioteca do céu é o “livro das lágrimas”
(Sl. 56.8).
24.5 O quinto livro da biblioteca do céu é o “livro da memória (Ml. 3.16).
24.6 O sexto livro da biblioteca do céu é o “livro da Escritura da
Verdade” (Dn. 10.21; Ap. 14.6-7; 10.1-11).
24.7 O sétimo livro da Biblioteca do Céu é o “livro da natureza”
(Sl. 19.1-4).

 

25 Você sabia que a tradição judaica afirma que existe 7
Arcanjos, embora a Bíblia só mencione o nome de um?
Veja bem:
25.1 A Bíblia só menciona o nome de Miguel (Jd. 1.9).
25.2 Isso naturalmente não impede que existam outros Arcanjos.
25.3 De acordo com a Bíblia, Miguel é um dos primeiros príncipes
(Dn. 10.13), o que sugere a existência de outros príncipes de
destaque no céu.
Esta é a lista dos 7 Arcanjos que a tradição judaica afirma:
25.3.1 Miguel
25.3.2 Gabriel
25.3.3 Rafael
25.3.4 Remiel
25.3.5 Uriel
25.3.6 Saracael
25.3.7 Raquel

 

26 Você sabia que Deus, através da Bíblia, sempre utilizou
as coisas mais insignificantes e desprezíveis da vida para
realizar feitos extraordinários? Aprenda o seguinte:
26.1 Deus utilizou uma insignificante vara na mão de Moisés para
realizar milagres extraordinários (Êx. 4.17).
26.2 Deus utilizou um simples pedaço do pau cortado por Eliseu
para fazer flutuar o machado (2 Rs. 6.6).
26.3 Deus escolheu um pedaço de pau para produzir flores e
amêndoas no meio de 12 pedaços de pau, confirmando a escolha
de Arão para o Sacerdócio (Nm. 17.1-8).
26.4 Deus utilizou uma pedra em Horebe e outra pedra em Meribá,
como reservatórios de água potável (Êx. 17.6; Nm. 20.7-13).
26.5 Deus usou uma desprezível jumenta para repreender um profeta
mal intencionado (Nm. 22.28-30).
ERIVALDO DE JESUS 63
26.6 Deus utilizou desprezíveis e imundos corvos para servirem a
refeição de seu profeta no deserto [1 Rs. 17.2-6).
26.7 Deus utilizou as barrentas águas do rio Jordão, para purificar
a lepra de um importante general da Síria (2 Rs. 5.10-14).
26.8 Deus utilizou uma simples pasta de figos para curar o rei Ezequias
da úlcera (2 Rs. 20.7).
26.9 Deus utilizou um estranho peixe no mar, para servir de submarino
ao profeta desobediente (Jn. 1.17; 2.10).
26.10 Deus utilizou simples varas de árvores descascadas para estimular
a atividade reprodutora e o conseqüente aumento do
rebanho das ovelhas de Jacó (Gn. 30.37-39; 31.9-13).
26.11 Deus usou uma frágil mulher para matar um forte general de
um temível exército inimigo (Jz. 4.21-22).
26.12 Deus usou 4 desprezíveis leprosos para descobrir depósitos
de alimentos e salvar Samaria da fome (2 Rs. 7.1-20).
26.13 Jesus utilizou o barro da terra misturado com cuspe para curar
um cego de nascença (Jo. 9.1-11).
26.14 Jesus utilizou saliva para aplicar nos olhos de um outro cego
em Betsaida, para restabelecê-lo da cegueira (Mc. 8.23).
26.15 Jesus passou cuspe na língua do gago para que o mesmo pudesse
falar desembaraçadamente (Mc. 7.32-35).
26.16 Jesus utilizou a simples refeição de um garoto, que continha
5 pães e 2 peixinhos, para alimentar 5 mil homens (Jo.
6.9-14).
26.17 Jesus utilizou mais uma vez 7 pães e alguns peixinhos para
alimentar 4 mil homens (Mt. 14.34-38).
26.18 Jesus utilizou um desprezível filhote de jumenta para montá-lo
em sua entrada triunfal em Jerusalém (Jo. 12.14-15).
26.19 Deus usou uma simples viúva pobre para sustentar o profeta
Elias por cerca de 3 anos (Lc. 4.25-26; 1 Rs. 17.7-24; 18.1).
26.20 Jesus escolheu 12 desprezíveis homens para revolucionarem
o mundo (Mt. 10.1-2; 1 Co. 4.9-13).

 

27 Você sabe qual o significado de cada um dos nomes dos
12 filhos de Jacó? Observe bem:
27.1 Rúben significa “olhem, um filho”.
27.2 Simeão significa “apego”.
27.3 Levi significa “associado”.
27.4 Judá significa “louvor”.
64 SUPER INTERESSANTE
27.5 Dã significa “justiça”.
27.6 Naftali significa “luta corporal”.
27.7 Gade significa “sorte ou fortuna”.
27.8 Aser significa “feliz”.
27.9 Zebulom significa “habitação”.
27.10 Issacar significa “recompensa”.
27.11 José significa “Deus acrescenta”.
27.12 Benjamim significa “filho da destra”.

 

28 Você sabia que a Bíblia fala de 3 céus e não 7 céus como
diz algumas lendas antigas? Aprenda o seguinte:
28.1 “Auronos”. Este é o nome grego dado ao que chamamos de
“primeiro céu” ou também “céu inferior”, conhecido como
“céu atmosférico”, que Jesus chamou de “extremidade dos
céus” (Lc. 17.24).
28.2 “Mesoranios”. Este é o nome grego que damos ao céu intermediário,
conhecido como “céu estrelar” ou “planetário” e
também “céu astronômico”, que a Bíblia chama de a “altura”.
28.3 “Eporaneos”. Este é nome que damos ao céu superior, que a
Bíblia chama de “terceiro céu” (2 Co. 12.2), “Céu dos céus”
(Nm. 9.6). Sendo este o “lugar da habitação de Deus” (2 Cr.
6.18, 21; Sl. 123.1).
28.4 O máximo que o homem pode alcançar através da ciência é
atingir o segundo céu, ou céu astronômico. Porém, se quiser
chegar até o terceiro céu para contemplar a face de Deus,
olha o percurso que o homem deve fazer: “Contemplar Deus
diante de quem os anjos encobrem o rosto. O Deus que nos
criou e em Cristo nos redimiu, que nos amou de tal maneira,
que veio viver entre nós para mostrar-nos como Ele é. Então
morreu na cruz, para salvar-nos dos nossos pecados e tornar-nos
herdeiros da vida eterna. Ao contemplá-lo, nós veremos
todas as coisas Nele e a luz de sua redenção. Verdadeiramente,
isso terá sido uma viagem bem passada, embora sete
mortes tenham que ser experimentadas”. A. M. Hunter.
28.5 “Pois a nossa pátria está nos céus, de onde também aguardamos
o Salvador, o Senhor Jesus Cristo” (Fp. 3.20).

 

29 Você sabe porque a Bíblia não esconde os grandes defeitos
dos homens de Deus? Observe bem:
29.1 Abraão, o amigo de Deus, mandou Sara mentir duas vezes
que não era a sua esposa (Gn. 12.10-20; 20.2-18).
ERIVALDO DE JESUS 65
29.2 Isaque seguiu no mesmo erro do pai e quase teve o seu casamento
estragado (Gn. 26.7-11).
29.3 Jacó obteve a benção de forma fraudulenta e acabou se tornando
o predileto de Deus (Gn. 27.20-41; Ml. 1.1-3).
29.4 Moisés falava cara a cara com Deus e acabou não entrando na
Terra Prometida por incredulidade, depois de ter visto tantos
milagres (Nm. 20.1-12).
29.5 Arão foi conivente com o pecado da idolatria do bezerro de
ouro e ainda foi escolhido como o primeiro Sumo-Sacerdote
da história de Israel (Êx. 32.1-5; Dt. 9.20-21).
29.6 Davi foi o homem segundo o coração de Deus e cometeu um
cruel pecado de assassinato e adultério (2 Sm. 11.1-27).
29.7 Salomão foi o homem mais sábio da Bíblia e acabou caindo
no grave pecado da luxúria e da idolatria (1 Rs. 11.1-8).
29.8 Gideão foi um valoroso juiz de Israel chamado por Deus e no
fim de sua vida, acabou contribuindo para Israel mergulhar
na idolatria (Jz. 8.24-27).
29.9 Sansão foi outro forte juiz de Israel e o mais forte herói da história
bíblica. Cometeu muitos pecados, quando ainda era usado
por Deus (Jz. 16.1-31).
29.10 A resposta para tudo isso é a seguinte: A Bíblia, sendo a Palavra
de Deus, é um Livro verdadeiro e transparente, por isso,
não esconde os defeitos de ninguém. O fato de Deus continuar
usando esses homens cheios de defeitos não era de forma alguma
uma justificativa de Deus quanto aos seus atos. A história
do povo de Deus, tanto do Antigo Testamento, quanto do Novo
Testamento, tem sido a história da graça divina no meio dos
erros humanos. Por acaso os homens que Deus usa hoje em dia
são melhores do que aqueles homens? Basta olhar o nosso pas- *
sado e veremos que o cetro da graça e da misericórdia divina
ainda continua estendido. As misericórdias do Senhor são a causa
de não sermos destruídos. Não somos melhores do que
eles, e eles sem nós não seriam aperfeiçoados (Hb. 11.40).

 

30 Você sabe qual o alfabeto bíblico do nome de Jesus?
Aprenda o seguinte.
30.1 (A) Advogado (1 Jo. 2.1).
30.2 (B) Bom pastor (Jo. 10.11).
30.3 (C) Cristo (Lc. 2.11).
30.4 (D) Deus forte (Is. 9.6).
30.5 (E) Emanuel (Mt. 1.23).
66 SUPER INTERESSANTE
30.6 (F) Fiel testemunha (Ap. 1.5)
30.7 (G) Guarda fiel (SI. 121.3-5).
30.8 (H) Homem mediador (1 Tm. 2.5).
30.9 (I) Imutável (Hb. 13.8).
30.10 (J) Jesus Cristo (Mt. 1.1).
30.11 (L) Leão da tribo de Judá (Ap. 5.5).
30.12 (M) Maravilhoso (Is. 9.6).
30.13 (N) Nazareno (At. 3.5).
30.14 (O) Ômega (Ap. 1.8).
30.15 (P) Pai da eternidade (ls. 9.6).
30.16 (Q) Querido Mestre (Jo. 20.15-16).
30.17 (R) Rocha eterna (Is. 26.4).
30.18 (S) Salvador do mundo (Jo. 4.42).
30.19 (T) Todo-Poderoso (Ap. 1.8).
30.20 (U) Único Soberano (1 Tm. 6.15).
30.21 (V) Verdade e vida (Jo. 14.6).
30.22 (X) Xerox exata do Pai (Co. 1.15; Hb. 1.3).
30.23 (Z) Zeloso (Dt. 4.24).

 

31 Você sabe porque “a soberba precede a ruína e a altivez
do espírito a queda”? Veja o por quê:
31.1 Herodes Agripa I – neto de Herodes, o grande, morreu comido
de bichos porque não deu glória a Deus (At. 12.20-23).
31.2 Nabucodonozor foi comer capim com os animais do campo
com insanidade mental, porque não deu glória devida a Deus
(Dn. 4.28-37).
31.3 Senaqueribe voltou para a sua terra humilhado e derrotado
por afrontar o Deus vivo, vindo a ser morto em casa por seus
próprios filhos, por causa de sua altivez de espírito (2 Cr.
32.1- 21; Is. 36 e 37).
31.4 Uzias ficou leproso dentro da Casa do Senhor por causa de sua
soberba e acabou caindo em completa ruína (2 Cr. 26.16-23).
31.5 Belsazar acabou perdendo o reino e a própria vida por causa
de sua soberba e altivez de espírito contra o Senhor (Dn.
5.1- 31).
31.6 Golias se mostrou soberbo e altivo desafiando os soldados israelitas
e acabou caindo pelas mãos de um tenro jovem pastor
(1 Sm. 1.51).
ERIVALDO DE JESUS 07
31.7 Absalão se mostrou soberbo e altivo contra o próprio pai
Davi, e teve um final triste e doloroso ( 2 Sm. 15.1-12;
18.9-15).

 

32 Você sabia que na última relação das tribos de Israel
mencionadas iro último livro da Bíblia, duas tribos estão
excluídas? Descubra isso lendo (Ap. 7.4-8).
S As tribos de Dã e Efraim foram excluídas desta última lista.

 

33 Você sabia que o Senhor Jesus Cristo é também Senhor
de todas as profissões humanas? Observe bem:
33.1 Para o arquiteto, Ele é o projetista de Deus.
33.2 Para o engenheiro, Ele é o grande construtor.
33.3 Para o médico, Ele é o remédio infalível.
33.4 Para o advogado, Ele é o defensor do oprimido.
33.5 Para o economista, Ele é o tesouro incomparável.
33.6 Para o banqueiro, Ele é o tesouro escondido.
33.7 Para o empresário, Ele é o melhor negócio.
33.8 Para o comerciante, Ele é o nosso comprador por bom preço.
33.9 Para o astrônomo, Ele é a resplandecente estrela da manhã.
33.10 Para o meteorologista, Ele é o sol da justiça.
33.11 Para o nauta, Ele é a bússola celeste.
33.12 Para o psicólogo, Ele é a cura da alma.
33.13 Para o filósofo, Ele é a sabedoria de Deus.
33.14 Para o teólogo, Ele é o Alfa e o Ômega.
33.15 Para o oftalmologista, Ele é o restaurador da vista aos cegos.
33.16 Para o oculista, Ele é luz da vida.
33.17 Para o eletricista, Ele é a luz do mundo.
33.18 Para o ovinicultor, Ele é o cordeiro de Deus que tira o pecado
do mundo.
33.19 Para o zoologista, Ele é o leão da tribo de Judá
33.20 Para o biólogo, Ele é o autor da vida.
33.21 Para o geólogo, Ele é a rocha eterna.
33.22 Para o arqueólogo, Ele é a grande descoberta.
33.23 Para o sociólogo, Ele é a paz e justiça social.
33.24 Para o cisterneiro, Ele é a água da vida.
68 SUPER INTERESSANTE
33.25 Para o coveiro, Ele é o vencedor da morte.
33.26 Para o padeiro, Ele é o pão da vida.
33.27 Para o vigilante, Ele é o guarda fiel que não dorme e nem dormirá.
33.28 Para o motorista, Ele é o guia.
33.29 Para o relojoeiro, Ele é o despertador espiritual.
33.30 Para o político, Ele é o Único Soberano que não pode ser deposto.
33.31 Para o juiz, Ele é a justiça perfeita.
33.32 Para o jurista, Ele é o grande legislador.
33.33 Para o contador, Ele é o ajustador de contas.
33.34 Para o alfaiate, Ele é o linho fino do templo.
33.35 Para o sacerdote, Ele é o Sumo Sacerdote eterno.
33.36 Para o pastor, Ele é o Sumo Pastor das nossas almas.
33.37 Para o missionário, Ele é o ganhador de almas.
33.38 Para o carteiro, Ele é o mensageiro da paz.
33.39 Para o jornalista, Ele é a melhor notícia para o mundo.
33.40 Para o músico, Ele é a harmonia celeste.
33.41 Para o cantor, Ele é o cântico da vitória.
33.42 Para o agricultor, Ele é o grande semeador.
33.43 Para o professor, Ele é o mestre por excelência.
33.44 Para o aluno, Ele é a perfeita inteligência.
33.45 Para o matemático, Ele é o número da perfeição de Deus.
33.46 Para o escritor, Ele é o escriba fiel.
33.47 Para o joalheiro, Ele é a pedra preciosa de grande valor.
33.48 Para o marceneiro, Ele é o cedro divino.
33.49 Para o perfumista, Ele é o bálsamo de Gileade.
33.50 Para o pedreiro, Ele é o alicerce da eternidade.
33.51 Para o lavrador, Ele é a videira verdadeira.
33.52 Para o soldado, Ele é o general que não perde batalha.
33.53 Para o antropólogo, Ele é o Filho do homem e segundo Adão.
33.54 Para o cientista, Ele é a origem de todas as coisas.
33.55 Para o viajante, Ele é o caminho.
33.56 Para o surfista, Ele é Aquele que andou sobre o mar.
33.57 Para o Aviador, Ele é Aquele que montou num Querubim e
voou sobre as asas do vento.
ERIVALDO DE JESUS 69

 

34 Você sabe porque a Bíblia é o Livro dos Livros? Aprenda
o seguinte:
34.1 A Bíblia foi escrita num período de aproximadamente 1600 anos
por mais de 40 autores, sendo pessoas das mais variadas profissões
e posições sociais, desde reis e príncipes, médico e advogado,
poeta e filósofo, profetas e estadistas, pastores e agricultores,
funcionário público e pescadores, sacerdotes e generais, juizes e
músicos, pecuarista e teólogo, boiadeiro e cientista, etc. Tudo isto
para que a Bíblia se tomasse o Livro de todas as classes sociais e
amado por todos, tendo uma completa harmonia e unidade.
34.2 A Bíblia é o livro mais lido, mais traduzido, mais editado,
mais pesquisado, mais conhecido, mais valioso, mais ensinado,
mais proclamado, mais exaltado, mais amado e ao mesmo
tempo mais odiado do mundo. A Bíblia é um livro tão
forte e poderoso que foi citada tanto por Jesus (Mt. 4.1-11)
como também pelo próprio Diabo (Mt. 4.6).
34.3 A Bíblia já foi traduzida para mais de 2 mil idiomas diferentes,
a mais recente tradução foi para o “mongol”. Assim, hoje,
90% da população do Planeta Terra tem condições de lerem
porções da Bíblia.
34.4 A Bíblia é uma biblioteca divina que possui: 66 livros, 1.189 capítulos,
31.173 versículos, 773.692 palavras e 3.566.480 letras
(de acordo com o tipo de tradução). Sendo 39 livros, 929 capí­
tulos, 23.214 versículos, 592.429 palavras e 2.728.100 letras
no Antigo Testamento. E 27 livros, 260 capítulos, 7959 versí­
culos, 181.253 palavras e 838.380 letras no Novo Testamento.
34.5 A expressão “Assim diz o Senhor” aparece cerca de 3 mil vezes
nas Escrituras, autenticando a Bíblia como a inconfundí­
vel, infalível e inspirada Palavra de Deus.
34.6 A palavra Javé – o nome sagrado de Deus – aparece cerca de 7
mil vezes nas Escrituras (6.855), confirmando que a Bíblia é
mesmo o Livro de Deus.
34.7 A Bíblia contém a mente de Deus, o estado do homem, a ruína
dos impenitentes e a eterna felicidade dos crentes. Suas doutrinas
são santas, seus preceitos são justos, suas histórias verdadeiras
e suas decisões imutáveis. Leia a Bíblia para ser
sábio, creia nela para estar seguro e pratique ela para ser santo.
Ela contém luz para dirigí-lo, alimento para sustentá-lo,
consolo para animá-lo e armadura para defendê-lo. A Bíblia é
o mapa do viajante, o cajado do peregrino, a bússola do navegante,
a espada do soldado e o guia do cristão. Por meio dela
o paraíso é restaurado, os céus são abertos e as portas do inferno
são cerradas. Cristo é o seu assunto, nosso bem é o seu
70 SUPER INTERESSANTE
propósito e a Glória de Deus o seu fim. Estude este livro divino,
sobrenatural em origem, inexprimível em valor, infinito
em escopo, divinal em autoria, apesar de humana na escrita,
regenerador em poder, infalível em autoridade, pessoal em
aplicação e inspirado em sua totalidade. “A Palavra de nosso
Deus subsiste eternamente”.

 

35 Você sabe qual o nome da cidade que na Bíblia o arquiteto
e edificador foi o próprio Deus? Aprenda o seguinte:
35.1 Caim foi o primeiro homem na história terrena a edificar uma
cidade (Gn. 4.17).
35.2 Ninrode quis edificar uma cidade, cujo topo chegasse aos
céus e o nome se tornasse célebre (Gn. 10.10; 11.4).
35.3 Nabucodonozor edificou Babilônia para sua glória e majestade
(Dn. 4.30).
35.4 O anticristo controlará a grande cidade edificada sobre 7
montes e que domina sobre os reis da terra (Ap. 17.9, 18).
35.5 A cidade de Roma está edificada sobre 7 colinas e é chamada
pelos historiadores de “a cidade eterna”.
35.6 Existe um ditado bem conhecido que diz o seguinte: “todos os
caminhos levam a Roma”. Porém, a verdade é a seguinte:
Todo caminho leva a Jerusalem.
35.7 A cidade cujo arquiteto e edificador é Deus chama-se “Jerusalém
celestial” (Hb. 11.10; 12.22).
35.8 A verdadeira “ddade etema” é Jerusalém e não Roma (Zc. 8.3; Ap. 21.2).
35.9 Todos os caminhos levarão a Jerusalém e não a Roma (Zc.
14.16-17).
35.10 Jerusalém será a capital mundial e não Roma (Is. 24.23; Mq. 4.1-2).
35.11 Jerusalém significa “habitação de paz”.
35.12 Jerusalém é a cidade do Deus vivo e a cidade do Grande Rei
(Hb. 12.22; Mt. 5.35).
35.13 Jerusalémé a nossa pátria celestial (Gl. 4.26; Hb. 12.22; Fp. 3.20).
35.14 Jerusalém é a cidade fiel (Is. 1.26), cidade de justiça (Is.
1.26) e cidade da verdade (Zc. 8.3).
35.15 Tudo no mundo aponta para Jerusalém. As três maiores religiões
monoteístas da terra são: judaísmo, cristianismo e o islâmismo,
brigam pelo “status” de Jerusalém. Em Jerusalém,
sinagogas, igrejas e mesquitas disputam espaço.
35.16 As três maiores religiões monoteístas do mundo (judaísmo,
cristianismo e islâmismo), representam mais de 50% da po­
ERIVALDO DE JESUS 71
pulação da terra e estão com os seus olhos voltados para Jeru
salénr. Os adeptos destas três religiões se declaram filhos de
Abraão, o homem que pagou dízimo para o primeiro Sacerdote
e Rei de Jerusalém (Gn. 14.18-20).
35.17 Todos os judeus são filhos de Abraão por meio de Isaque (Gn.
28.13-14). Todos os cristãos são filhos de Abraão por meio de
Jesus Cristo (Gl. 3.29; 3.7-9). Todos os islâmicos se dizem ser
filhos de Abraão por meio de Ismael (Gn. 16.11-12; 17.20), e
almejam Jerusalém.
35.18 Jerusalém é chamada “Lareira de Deus”, “Ariel de Deus” ou
“Leão de Deus”(Is. 29.1). Jerusalém é o berço do cristianismo
e do judaísmo.
35.19 Em Jerusalém Jesus foi crucificado e ressuscitado (Lc. 13.33;
24.18-23). Por isso, a salvação e a redenção da Humanidade
vieram de Jerusalém. ‘ –
35.20 Em Jerusalém desceu o Espírito Santo no dia de Pentecostes
(At. 1.4; 2.1-4).
35.21 Em Jerusalém foi originada e formada a Igreja do Senhor Jesus
Cristo (At. 2.41; 6.7).
35.22 Em Jerusalém Jesus ascendeu aos céus (At. 1.8-11) e descerá
por ocasião de sua segunda vinda em Glória (At. 1.11; Zc.
14.3-4).
35.23 A nova Jerusalém será mesmo o destino de todos os salvos
(GL 3.26; Hb. 12.22; Ap. 3.12; 21.1-27).

 

36 Você sabe por que Jesus Cristo é o centro e o coração da
Bíblia? Observe bem:
36.1 Jesus Cristo é o centro e o âmago da Bíblia, centro e o âmago
da história e o centro e o âmago de nossas vidas. Do Gênesis
ao Apocalipse Jesus Cristo é o tema central da Bíblia.
36.2 Em Gênesis, Ele é o princípio de todas as coisas.
36.3 Em Êxodo, Ele é o grande Libertador de Israel.
36.4 Em Levítico, Ele é o Sumo Sacerdote perfeito.
36.5 Em Deuteronômio, Ele é o grande Profeta poderoso.
36.6 Em Josué, Ele é o grande General conquistador.
36.7 Em Juizes, Ele é o forte Juiz que julga o seu povo.
36.8 Em Rute, Ele é o grande Resgatador da sua herança.
36.9 Em 1 Samuel, Ele é o Rebento de Jessé e a raiz de Davi.
36.10 Em 2 Samuel, Ele é o sucessor Eterno do trono de Davi.
36.11 Em 1 Reis, Ele é o Rei dos reis.
72 SUPER INTERESSANTE
36.12 Em 2 Reis, Ele é o único Rei perfeito e absoluto.
36.13 Em 1 Crônicas, Ele é o único Monarca infalível.
36.14 Em 2 Crônicas, Ele é o sábio Rei que governa o seu povo.
36.15 Em Esdras, Ele é o grande Escriba fiel.
36.16 Em Neemias, Ele é o grande Restaurador de sua pátria.
36.17 Em Ester, Ele é o grande Intercessor e Defensor do seu povo.
36.18 Em Jó, Ele é o grande Redentor que vive.
36.19 Em Salmos, Ele é o Refúgio e Fortaleza do seu povo.
36.20 Em Provérbios, Ele é o Arquiteto da sabedoria de Deus.
36.21 Em Eclesiastes, Ele é o grande Pregador.
36.22 Em Cantares de Salomão, Ele é o amado Noivo da Igreja.
36.23 Em Isaías, Ele é o Pai da eternidade e o Príncipe da paz.
36.24 Em Jeremias, Ele é a Esperança de Israel.
36.25 Em Lamentações de Jeremias, Ele é a Misericórdia de Deus.
36.26 Em Ezequiel, Ele é a Glória viva de Israel.
36.27 Em Daniel, Ele é o Majestoso e Eterno Ancião de dias.
36.28 Em Oséias, Ele é o Esposo fiel e amoroso do seu povo.
36.29 Em Joel, Ele é o grande Juiz das nações no Vale de Josafá.
36.30 Em Amós, Ele é o perfeito Pastor de Israel.
36.31 Em Obadias, Ele é a perfeita justiça de Deus.
36.32 Em Jonas, Ele é o grande Missionário.
36.33 Em Miquéias, Ele é o grande Cidadão de Belém.
36.34 Em Naum, Ele é a Fortaleza do seu povo no dia da angústia.
36.35 Em Habacuque, Ele é o grande Avivalista da obra de Deus.
36.36 Em Ageu, Ele é o desejado de todas as Nações.
36.37 Em Sofonias, Ele é a magnífica proteção do seu povo.
36.38 Em Zacarias, Ele é o Homem renovo.
36.39 Em Malaquias, Ele é o Sol da justiça.
36.40 Em Mateus, Ele é o verdadeiro Messias de Israel.
36.41 Em Marcos, Ele é o ilustre Carpinteiro de Nazaré.
36.42 Em Lucas, Ele é o Médico por excelência.
36.43 Em João, Ele é o Verbo de Deus.
36.44 Em Atos dos Apóstolos, Ele é o Batizador como Espírito Santo.
36.45 Em Romanos, Ele é o grande Justificador.
ERIVALDO DE JESUS 73
36.46 Em 1 Corindos, Ele é o vitorioso Senhor da Igreja.
36.47 Em 2 Corindos, Ele é o Esposo fiel da Igreja.
36.48 Em Gaiatas, Ele é o Libertador dos escravos da lei.
36.49 Em Efésios, Ele é o Supremo cabeça da Igreja.
36.50 Em Filipenses, Ele é a alegria superabundante da Igreja.
36.51 Em Colossenses, Ele é a imagem do Deus invisível.
36.52 Em 1 Tessalonicenses, Ele é o Senhor que arrebatará a sua
Igreja.
36.53 Em 2 Tessalonicenses, Ele é o Senhor que destruirá o anticristo.
36.54 Em 1 Timóteo, Ele é o único Mediador entre Deus e o homem.
36.55 Em 2 Timóteo, Ele é o reto Juiz que nos coroará.
36.56 Em Tito, Ele é a bem-aventurada esperança da Igreja.
36.57 Em Filemom, Ele é o nosso grande fiador.
36.58 Em Hebreus, Ele é o autor e consumador da nossa fé.
36.59 Em Tiago, Ele é o Legislador da lei perfeita.
36.60 Em 1 Pedro, Ele é o Sumo Pastor e Bispo das nossas almas.
36.61 Em 2 Pedro, Ele é o Senhor longânimo.
36.62 Em 1 João, Ele é o grande Advogado.
36.63 Em 2 João, Ele é o amor verdadeiro.
36.64 Em 3 João, Ele é o amado da Igreja.
36.65 Em Judas, Ele é o Senhor que virá com os seus milhares de Santos.
36.66 Em Apocalipse, Ele é o Alfa e Ômega, Rei dos reis, Senhor dos senhores.

 

37 Você sabe quem é a “menina dos olhos” que a Bíblia se
refere algumas vezes? Aprenda o seguinte:
37.1 A expressão “menina dos olhos” aparece cerca de 5 vezes no
Antigo Testamento. A “menina dos olhos” literalmente se refere
à pupila do olho. Mas, em geral, é usada em sentido figurado,
denotando algo que a pessoa tem como precioso e
mantém debaixo dos olhos. Na realidade, os judeus costumavam
chamar a pupila dos olhos de “homenzinho dos olhos”,
porém, os escritores acharam melhor usar a expressão “menina
dos olhos”. Assim, Davi pôde orar ao Senhor: “Guarda-me
como a menina dos olhos” (Sl. 17.8). Sendo assim, nós somos
a “menina” conservada debaixo dos olhos de Deus e velada
74 SUPER INTERESSANTE
constantemente pelo “’Guarda de Israel”, que não dorme e
nem dormitará (Sl. 121).

 

38 Você sabia que na primeira vez que a lei foi aplicada, 3
mil pessoas morreram e na primeira vez que a graça foi
proclamada 3 mil pessoas foram salvas? Descubra esta
riqueza de detalhe lendo Êx. 32.28; At. 2.41.

 

39 Você sabe o que significa a expressão: “Deixa-me primeiro
ir sepultar meu pai” usado por um candidato a discí­
pulo que queria tomar-se seguidor de Jesus? Veja bem:
39.1 A resposta de Jesus “deixa aos mortos o sepultar os seus pró­
prios mortos” (Mt. 8.21-22) ao futuro discípulo, a primeira
vista parece um tanto severa. Afinal de contas, não se devia
permitir uma época de luto a um filho fiel? Talvez precisasse
fazer os arranjos funerais, porém com toda certeza e probabilidade,
o pai daquele homem na realidade não tinha morrido.
39.2 A expressão hebraica “permite-me sepultar meu pai” não quer dizer
“meu pai acaba de morrer”. Pelo contrário, era usado com a
finalidade de adiar o pedido de alguém a um futuro indefinido.
O sentido geral desta expressão era o seguinte: “até que meu pai
envelheça e morra, não posso atender ao seu pedido”. Os que
viajam pelo Oriente Médio afirma que esta expressão idiomática
é usada ainda hoje como forma de recusa educada.

 

40 Você sabe qual o significado da expressão proverbial
usada por Jesus após o encontro com o jovem rico: “é
mais fácil passar um camelo pelo fundo de uma agulha
do que entrar um rico nos céus”? Aprenda o seguinte:
40.1 Durante séculos, os leitores têm-se incomodado com um dito
tão implacável como este, e têm tentado tornar o camelo menor
ou o fundo da agulha maior. A teoria mais comum é a que
diz que o fundo de uma agulha era o nome de uma porta baixa
e estreita de Jerusalém, pela qual os camelos podiam passar,
mas com dificuldade. Alguns ainda acrescentavam que o
único modo que os camelos podiam passar na porta era de
joelhos. A conclusão lógica é que o único caminho pela qual
o rico pode entrar no reino de Deus é de joelhos.
40.2 Porém, tudo isso não passa de conjecturas. Esta expressão hiperbólica
utilizada por Jesus é uma expressão de exagero deliberado
com o propósito de causar efeito retórico. Ou seja,
nesta expressão proverbial Jesus não diz ser impossível um
rico ser salvo (Mt. 19.26), mais sim que, uma vez que tal pes­
ERIVALDO DE JESUS 75
soa raramente percebe suas necessidades pessoais, com a nies
ma facilidade de um pobre, sua salvação se torna mais difícil.
40.3 A moral da história é a seguinte: ao declarar o rico Zaqueu
salvo (Lc. 19.9), Jesus consegue mostrar claramente que e
mesmo “fácil um camelo passar pelo fundo de uma agulha”.
Por várias vezes Jesus fez o camelo passar pelo fundo de uma
agulha: 1) O rico Zaqueu salvo (Lc. 19.1-10); 2) o rico Nicodemos
salvo (Jo. 3.1-6; 7.50-52; 19.39); 3) o rico José de Arimatéia
salvo (Mc. 15.42-46; Is. 53.9).

 

41 Você sabia que boa parte da Bíblia foram cojjiadas pelos
autores de vários outros livros que já existiam na
época? Veja a lista dos livros consultados:
41.1 Livro das guerras do Senhor (Nm. 21.14).
41.2 Livro dos justos (2 Sm. 1.18).
41.3 Anais do Rei Davi (1 Cr. 27.24).
41.4 Crônicas de Gade, o Vidente (1 Cr. 29.29).
41.5 Livro da História do Profeta Natã (1 Cr. 9.29).
41.6 Visões de Ido, o Vidente.
41.7 Profecia de Aias, o Silonita
41.8 Crônicas de Jéu, filho de Hanani (2 Cr. 20.34).
41.9 Assunção de Moisés (Jd. 1.9).
41.10 O Livro de Enoque (Jd. 1.14).
41.11 Livro da genealogia de Adão (Gn. 5.1).
V Certamente o Espírito Santo inspirou os autores da Bíblia, a copiarem
somente o que fosse verídico e historicamente comprovado
pela tradição oral e escrita dos Judeus. Mesmo que a obra não fosse
totalmente inspirada, os autores sagrados só aproveitaram o
que foi útil para o nosso ensino (Rm. 15.4).

 

42 Você sabia que o nome do Senhor só veio a ser invocado
na terra após o nascimento de um neto de Adão chamado
“Enos”? Leia isso em (Gn. 4.26).

 

43 Você sabia que o capítulo mais logo da Bíblia é também
o que mais exalta a Palavra de Deus? Obsei-ve bem:
43.1 Dos 176 versículos do Salmo 119, existe cerca de 178 citações
do salmista, enfatizando a necessidade e dependência que temos
da Palavra do Senhor.
76 SUPER INTERESSANTE
43.2 0 salmista usa 10 termos diferentes para a Palavra de Deus:
lei, preceitos, testemunhos, estatutos, decretos, juízos, mandamentos,
veredas, caminhos e palavra.
43.3 Com exceção dos versículos 90, 122 e 132, todos os demais
versículos mencionam um destes 10 termos designativos da
Palavra do Senhor.
43.4 O Salmo 119 comunica a idéia de que a Palavra de Deus contém
tudo o que o homem precisa saber.

 

44 Você sabia que a Bíblia afirma que todos nós cristãos temos
uma “mãe espiritual”? Veja bem:
44.1 O catolicismo romano chama Maria (mãe de Jesus), de “Nossa
Senhora” e “mãe de todos nós”, a Bíblia não afirma isso em
lugar nenhum, pois Maria também era carente de um Salvador
(veja isso em Lc. 1.46-47).
44.2 A única “mãe espiritual” que a Bíblia afirma que temos chama-se:
V “Jerusalém Celestial”, confira isto lendo (Gl. 4.26; Hb.
12.22-23).
44.3 O fato de Maria ter sido a “mãe carnal” de Jesus não é motivo
para que ela seja considerada “nossa mãe”. O próprio Jesus
afirmou que, quem “fizer a vontade do Pai celeste”, esse é seu
“irmão, irmã e mãe” (Mt. 12.46-50).

 

45 Você sabia que 7 nomes de homens foram repetidos por
Deus na Bíblia? Aprenda o seguinte:
45.1 Abraão, Abraão (Gn. 22.11).
45.2 Jacó, Jacó (Gn. 46.2).
45.3 Moisés, Moisés (Êx. 3.4).
45.4 Samuel, Samuel (1 Sm. 3.10)
45.5 Marta, Marta (Lc. 10.41)
45.6 Simão, Simão (Lc. 22.41).
45.7 Saulo, Saulo (At. 9.4).

 

46 Você sabia que Nabal e Abigail foram o casal que mais
simbolizaram na Bíblia, o contraste entre a “loucura e
a sabedoria”? Observe bem:
46.1 Nabal era um homem insensato (1 Sm. 25.25).
46.2 Abigail era uma mulher sensata (1 Sm. 25.3).
46.3 Nabal era um homem imprudente (1 Sm. 25.10-11).
ERIVALDO DE JESUS
46.4 Abigail era uma mulher prudente [1 Sm. 25.32-33).
46.5 Nabal era um homem ingrato (1 Sm. 25.21).
46.6 Abigail era uma mulher agradecida (1 Sm. 25.27).
46.7 Nabal era um homem louco (1 Sm. 25.25).
46.8 Abigail era uma mulher sábia (1 Sm. 25.3).
46.9 Nabal era um homem de coração duro (1 Sm. 25.3).
46.10 Abigail era uma mulher de coração flexível (1 Sm. 25.27)
46.11 Nabal era um homem sem descrição (1 Sm. 25.3).
46.12 Abigail era uma mulher com descrição (1 Sm. 25.3).
46.13 Nabal era um homem maligno [1 Sm. 25.3).
46.14 Abigail era uma mulher bondosa (1 Sm. 25.18).

FONTE : 500 Curiosidades Bíblicas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *