1. Uma cidade no extremo sul do vale de Escol, a meio caminho entre Jerusalém e Berseba, da qual fica distante cerca de 30 quilômetros em linha reta. Foi construída “sete anos antes de Zoã no Egito” (Gn 13:18; Nm 13:22). Ela ainda existe como o mesmo nome e é uma das cidades mais antigas do mundo.

Seu nome anterior era Quiriate-Arba (Gn 23:2; Js 14:15; 15:3). Mas “Hebrom parece ter sido o nome original da cidade, e só depois da permanência de Abraão lá é que recebeu o nome de Quiriate-Arba, que (isto é, Arba) não foi o fundador, mas o conquistador da cidade, levando para lá a tribo dos anaquins, à qual ele pertencia. Ela manteve este nome até que se tornou posse de Calebe, quando os israelitas restauraram o nome original de Hebrom” (Keil).

O nome desta cidade não ocorre em nenhum dos profetas ou no Novo Testamento. Encontra-se cerca de quarenta vezes no Antigo. Era o lugar favorito de Abraão. Aqui ele armou sua tenda debaixo dos carvalhos de Manre, cujo nome veio depois a ser conhecido; e aqui Sara morreu, e foi sepultada na caverna de Macpela (Gn 23:17-20), que ele comprou de Efrom, o hitita. Deste lugar o patriarca partiu para o Egito através de Berseba (Gn 37:14; 46:1). Foi tomada por Josué e dada a Calebe (Js 10:36-37; 12:10; 14:13). Tornou-se uma cidade levítica e uma cidade de refúgio (Gn 20:7; 21:11). Quando Davi se tornou rei de Judá, esta era sua residência real, e ele morou aqui por sete anos e meio (2Sm 5:5); e aqui ele foi ungido como rei sobre todo o Israel (2Sm. 2: 1-4,11; 1Rs 2:11). Tornou-se a residência também do rebelde Absalão (2Sm 15:10), que provavelmente esperava encontrar seu principal apoio na tribo de Judá.

Em uma parte da cidade moderna há uma grande mesquita construída sobre o túmulo de Macpela. O primeiro europeu que foi autorizado a entrar nesta mesquita foi o Príncipe de Gales em 1862.

Um dos maiores carvalhos da Palestina é encontrado no vale de Escol, a cerca de 5 quilômetros ao norte da cidade. Alguns supõem que seja a árvore sob a qual Abraão armou sua tenda e é chamada de “carvalho de Abraão”.

2. O terceiro filho de Coate, o levita (Êx 6:18; 1Cr 6:2,18).

3. Um descendente de Calebe (1Cr 2:42-43).

4. Uma cidade na fronteira norte de Aser (Js 19:28).

Significado do nome

No original hebraico Chebrown (חברון), Hebrom provavelmente significa “associação” ou “aliança”. Em algumas versões da Bíblia no nome é traduzido para Hebron.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *