Letra da canção Quando O Óleo Vem – Alda Célia

 

	    Intro: Dm Bb  C  Bb/F  F...  C/E Dm  Bb  C 
                                  
                                                                                                                                                                                                                                                    
          Dm                     C 
Quando o óleo vem | É hora de adorar 
          Gm                            Dm 
Quando o óleo vem | É hora de me quebrantar 
         Bb 
Quando o óleo vem 
                  Dm                    C4       C 
É hora de me ajoelhar e receber todo o Seu poder 

         Dm                         C 
Quando o óleo vem | É hora de entender 
        Gm                         F 
Que não é pela minha força | Não é pelo meu poder 
      Bb                            Dm 
Quando o óleo vem | Recebo sobrenatural capacitação 
   C4	              C 
É hora de consagração 

       F                Dm             C 
Quando o óleo vem | Deus vai me encontrar 
	Gm                 C/E         F     C/E 
Onde eu estiver pra me fazer      reinar 
         Dm                         C           Bb 
Quando o óleo vem | Recebo unção pra conquistar, sim 
          F/A 
Os seus sonhos pra mim 
	Gm                       Bbm6	        F      Bb     C       F 
Quando o óleo vem | É hora de dizer: Eis-me aqui 

	 Dm	                    C 
Quando o óleo vem é porque Deus me separou 
    Gm                             F 
Me ungiu porque encontrou | Um coração adorador 
         Bb                     Dm 
Quando o óleo vem | Recebo sobrenatural capacitação 
   C4	               C 
É hora de consagração 

      F      C         Bb                  C 
Vem óleo de Deus | Vem me perfumar, incendiar meu coração 
 F      Dm        C    na 2ªx (C Dm F/A  Gm7)   
Vem Espírito de Deus 
    Gm7                   Bb 
Derrama sobre mim porção dobrada desta unção 
          Gm7	                 C  2ª(Bbm6)	F (Dm  C   Bb )  FINAL: (intro) 

Quando o óleo vem | É hora de dizer: Eis-me aqui!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *