1 Você sábia que apesar de ter nascido em Belém, Jesus
herdou a cidadania de Nazaré, cidade onde Ele foi criado?
Descubra isso em (Mt. 2.23).
S Do contrário ocorreria o seguinte: “Jesus Cristo, o Belemita”, em
vez de “Jesus Cristo, o Nazareno” (At. 3.5).
2 Você sábia que por três vezes no ministério de Jesus foi
ouvida em alto e bom som a voz do Pai diretamente do
céu? Veja bem:
2.1 A primeira vez foi por ocasião do batismo de Jesus (Mt. 3.17).
2.2 A segunda vez foi por ocasião da transfiguração de Jesus (Mt.
17.5).
2.3 A terceira vez foi durante um sermão que Jesus pregava diante
duma grande multidão (Jo. 12.28-36).
3 Você sabia que Jesus curou um homem surdo e gago colocando
os dedos nos ouvidos e cuspe na língua do deficiente?
Confira este milagre interessante lendo (Mc. 7.
32-35).
4 Você sabia que dos milhares de pessoas beneficiadas,
pelos milagres de Jesus durante o seu ministério terreno,
92 SUPER INTERESSANTE
apenas o nome de 5 pessoas beneficiadas são mencionadas
na Bíblias? Observe bem:
4.1 Maria Madalena – alcançou libertação e cura (Lc. 8.2).
4.2 Jairo – alcançou a ressurreição de sua filha (Mc. 5.22-23).
4.3 Bartimeu – alcançou a recuperação da visão (Mc. 10.46-52).
4.4 Lázaro – alcancou a ressurreição depois de enterrado à 4 dias
(Jo. 11.43).
4.5 Malco – alcançou a recuperação da orelha depois de cortada
(Jo. 18.10; Lc. 22.50-51).
4.6 A explicação para isso é que os Evangelhos foram escritos de
20 a 30 anos depois do retorno de Jesus Cristo ao céu. Seria
impossível os apóstolos e outras testemunhas oculares se
lembraram dos nomes de tantas pessoas beneficiadas. Além
disso, o objetivo dos Evangelistas foram enfatizar o grande
poder que Jesus tinha de operar milagres. Quem deveria mesmo
aparecer era o Operador de milagres o Senhor Jesus Cristo
e não outras pessoas.
5 Você sabia que a única parábola que Jesus menciona o
nome do personagem foi a “Parábola do Rico e Lázaro”?
Descubra isso lendo (Lc. 16.19-31).
S Talvez o objetivo de Jesus ao citar o nome real do personagem
nesta parábola, que trata do “estado intermediário dos mortos”,
foi ensinar aos seus ouvintes que céu e inferno são lugares reais.
6 Você sabia que na ocasião da prisão de Jesus um jovem
que o seguia fugiu “pelado” com medo dos soldados?
Descubra este detalhe lendo (Mc. 14.15-52).
V Muitos acreditam que este jovem era João Marcos, que depois veio
escrever o Evangelho que leva o seu nome (At. 12.12; 15.37).
7 Você sabe por que o primeiro milagre de Jesus foi o da
“transformação da água em vinho”? Veja bem:
7.1 Jesus queria que a alegria do casamento fosse permanente
(Jo. 2.9-10).
7.2 Jesus não queria que a festa do casamento fosse estragada
pela falta de alguma coisa (Jo. 2.8).
7.3 Jesus desta maneira estava compartilhando com a alegria e
felicidade dos noivos (Jo. 2.3). A mãe de Jesus deve ter sentido
na pele a frustração e tristeza dos noivos quando o vinho
acabou.
ERIVALDO DE JESUS 93
7.4 Jesus é o que supre as necessidades do casal. Ele sempre está
presente na hora que acaba tudo, na hora que precisamos
Dele! (Fp. 4.19).
Isso demonstra que a primeira e principal obra de Jesus nesta terra
foi a transformação de uma vicia incolor e sem sabor, numa vida
com cores e com sabor! (Jo. 2.9-1).
8 Você sabia que Jesus conseguiu alimentar cinco mil homens
com um simples lanche de um garotinho e ainda
sobrou muita comida? Descubra este detalhe lendo (Jo.
6. 9-13).
9 Você sabe quantos milagres de curas realizadas por Jesus
estão registrados na Bíblia? Observe bem:
9.1 Curou o filho de um oficial emCaná da Galiléia (Jo. 4.46-54).
9.2 Curou a sogra de Pedro da sua febre (Mt. 8.14-15).
9.3 Curou um leproso na Galiléia (Mt. 8.2-4).
9.4 Curou um paralítico em Cafarnaum (Mt. 9.1-8).
9.5 Curou o servo de um Centurião romano em Cafarnaum (Mt.
8.5-13).
9.6 Curou uma mulher que sofria de uma disfunção sangüínea
(Mt. 9.20-22).
9.7 Curou um homem que tinha a mão mirrada (Mc. 3.1-5).
9.8 Curou um homem que jazia 38 anos paralítico em Betesda
(Jo. 5.1-15).
9.9 Curou um homem endemoninhado, cego e mudo (Mt. 12.22).
9.10 Curou um homem surdo e gago no território de Decápolis
(Mc. 7.31-37).
9.11 Curou um cego em Betsaida aplicando-lhe saliva nos olhos
(Mc. 8.22-26).
9.12 Curou dois homens cegos em Cafarnaum (Mt. 9.27-31).
9.13 Curou uma mulher que jazia 18 anos encurvada (Lc. 13.10-17).
9.14 Curou um homem que sofria de hidropisia (Lc. 14.1-6).
9.15 Curou um cego de nascença em Jerusalém (Jo. 9.1-11).
9.16 Curou dez leprosos em Samaria (Lc. 17.11-19).
9.17 Curou o cego Bartimeu em Jerico (Mc. 10.46-52).
9.18 Curou e reimplantou a orelha de Malco (Lc. 22.49-51).
9.19 Curou um homem mudo e endemoninhado em Cafarnaum
(Mt. 9.32-33). –
94 SUPER INTERESSANTE
9.20 Curou uma multidão inumerável de doentes, acometidos de
várias enfermidades e tormentos, lunáticos e paralíticos (Mt.
4.24-25).
9.21 Curou uma multidão de doentes na tarde do dia em que curou
a sogra de Pedro (Mt. 8.16).
9.22 Curou uma multidão de enfermos que lhe esperava (Mt. 14.14).
9.23 Curou multidões que tocavam em suas vestes em Genesaré
(Mt. 14.34-36).
9.24 Curou multidões no território da Judéia, além do Jordão (Mt.
19.1-2).
9.25 Curou todos os doentes perto da Galiléia (Mt. 12.15).
9.26 Curou muitas pessoas acometidas de moléstias e flagelos e
deu a vista a muitos cegos na presença dos discípulos de João
Batista (Lc. 7.21-22),
10 Você sabe quantos milagres de libertação realizadas
por Jesus estão registradas na Bíblia? Obsei~ve bem:
10.1 Libertou um endemoninhado, cego e mudo na Galiléia (Mt.
12.22-23).
10.2 Libertou dois endemoninhados gadarenos (Mt. 8.28-34).
10.3 Libertou um mudo endemoninhado (Mt. 9.32-33).
10.4 Libertou a filha endemoninhada de uma mulher cananéia
(Mt. 15.21-28).
10.5 Libertou um menino epiléptico (Mt. 17.15-18).
10.6 Libertou uma mulher oprimida por um espírito de enfermidade
há 18 anos (Lc. 13.10-17).
10.7 Libertou Maria Madalena de 7 demônios (Lc. 8.2).
10.8 Libertou um homem possesso de espírito imundo em Cafarnaum
(Mc. 1.21-27).
10.9 Libertou uma multidão inumerável de endemoninhados, lunáticos
e atormentados (Mt. 4.24).
10.10 Libertou muitos endemoninhados naquela tarde do dia em
que curou a sogra de Pedro (Mt. 8.16).
10.11 Libertou muitas mulheres de espíritos malignos (Lc. 8.1-3).
11 Você sabe qual o milagre de Jesus que desafiou a “Lei da
Gravidade”? Confira este detalhe lendo (Mt. 14.25-27).
V Todo objeto pesado lançado ao mar afunda. Porém, Jesus andou
sobre o mar sem afundar e também não deixou o seu servo afundar!
(Mt. 14.28-32)
ER1VA1D0 DE JF.SUS 95
12 Você sabia que o milagre mais espetacular do Ministé­
rio de Jesus só é narrado por um Evangelista? Aprenda
o seguinte:
12.1 Ocorreram três milagres de Ressurreição no Ministério de Jesus
que foram registrados por 4 Evangelistas.
12.1.1 A ressurreição da filha de Jairo, registrado por Mateus
(Mt. 9.18-26), Marcos (Mc. 5.25-34) e Lucas (Lc.
8.41.56).
12.1.2 A ressurreição do filho da viúva de Naim, registrado
por Lucas (Lc. 7.12-16.
12.1.3 A fantástica e espetacular ressurreição de Lázaro só
foi registrado pelo Apóstolo João (Jo. 11.1-46).
12.2 A ressurreição de Lázaro pode ser considerada o mais espetacular
milagre físico do Ministério de Jesus, porque nunca se
ouviu na história que um defunto enterrado no cemitério a 4
dias e já cheirando carniça pudesse ressuscitar. Entretanto, o
Nosso querido Jesus fez isso! Os demais milagres, ainda que
de forma parcial já foram repetidos. Curas de paralíticos, cegos,
surdos e mudos são repetidos integralmente e constantemente
pelos seguidores de Jesus. Milagres de multiplicação
de alimentos já ocorreram, não na proporção dos pães e peixes
multiplicados por Jesus, mas já houve testemunhos desse
tipo de milagre, ainda que em proporções menores. Porém, o
milagre da ressurreição de Lázaro foi mesmo espetacular!
13 Você sabe quantos milagres de suprimentos alimentares
que Jesus realizou estão registrados nos Evangelhos?
Observe bem:
13.1 Jesus alimentou mais de 5 mil pessoas com apenas 5 pães e 2
peixes (Jo. 6.1.14).
13.2 Jesus alimentou uma outra multidão de mais de 4 mil pessoas
com apenas 7 pães e alguns peixinhos (Mt. 15.29-38).
13.3 Jesus encaminhou Pedro, Tiago e João até um enorme cardume
de peixes (Lc. 5.1-11).
13.4 Jesus em outra ocasião encaminhou Pedro, Tiago e João até
um cardume de 153 peixes grandes (Jo. 21.1-13).
13.5 Quando os discípulos regressaram da pescaria, encontraram
peixe assado e pão providos por Jesus (Jo. 21.9).
13.6 Após 40 dias em jejum, o próprio Jesus foi suprido pelo Pai através
de um banquete que os anjos lhe serviram no deserto (Mt. 4.11).
13.7 Jesus supriu de forma miraculosa o vinho que já tinha acabado
em um casamento realizado em Caná da Galiléia (Jo. 2.1-11).
96 SUPER INTERESSANTE
14 Você sabe quantos milagres na natureza realizados por
Jesus foram registrados pelos Evangelistas ? Observe bem:
14.1 Jesus caminhou sobre as águas do mar da Galiléia como se estivesse
andando em terra seca (Mt. 14.25-32).
14.2 Jesus acalmou os ventos e a tempestade do agitado mar da
Galiléia (Mt. 8.23-27).
14.3 Jesus fez uma árvore secar imediatamente por não dar fruto
(Mt. 21.18-19).
14.4 Jesus fez com que o peixe guardasse o seu dinheiro na boca
(Mt. 17.24-27).
15 Você sabia que somente uma pessoa da Bíblia é revela a
idade dentre outras que alcançaram os milagres de Jesus?
Descubra isso lendo (Lc. 8.41-42).
16 Você sabia que somente 3 pessoas da Bíblia, dentre vá­
rias outras que alcançaram os milagres de Jesus, é
mencionado o tempo em que durou sua enfermidade?
Confira este detalhe lendo (Lc. 8.43; 13.11; Jo. 5.5).
17 Você sabe quantas parábolas Jesus proferiu durante o
seu ministério terreno que estão registradas na Bíblia?
Obseme bem:
17.1 A Parábola do semeador (Mt. 13.3-23).
17.2 A Parábola do trigo e do joio (Mt. 13.24-30, 36-43).
17.3 A Parábola do grão de mostarda (Mt. 13.31-32).
17.4 A Parábola do fermento (Mt. 13.33).
17.5 A Parábola do tesouro escondido (Mt. 13.44).
17.6 A Parábola da pérola de grande preço (Mt. 13.45-46).
17.7 A Parábola da rede (Mt. 13.47-51).
17.8 A Parábola da figueira estéril (Lc. 13.6-9).
17.9 A Parábola do mordomo fiel e prudente (Lc. 12.42-48).
17.10 A Parábola do credor incompassivo (Mt. 18.23-25).
17.11 A Parábola do Bom Samaritano (Lc. 10.25-37).
17.12 A Parábola do amigo importuno (Lc. 11.5-13).
17.13 A Parábola do Bom Pastor (Jo. 10.1-17).
17.14 A Parábola dos primeiros assentos (Lc. 14.7-14).
17.15 A Parábola da Grande Ceia (Lc. 14.15-24).
17.16 A Parábola da ovelha perdida (Lc. 15.1-7).
F,RIVALDO DE JESUS 97
17.17 A Parábola do filho pródigo (Lc. 15).
17.18 A Parábola da dracma perdida (Lc. I 5.8-1 0)
17.19 A Parábola do mordomo infiel (l,c. 16.1-13).
17.20 A Parábola do juiz iníquo (Lc. 18.1-8).
17.21 A Parábola do fariseu e do publicano (Lc. 18.9-14).
17.22 A Parábola dos trabalhadores da vinha (Mt. 20.1-16).
17.23 A Parábola das minas (Lc. 19.11-27).
17.24 A Parábola da Candeia (Mt. 5.14-16.
17.25 A Parábola dos dois construtores (Mt. 7.24-27).
17.26 A Parábola do pano novo em vestido velho (Mt. 9.16).
17.27 A Parábola do vinho novo em odres velho (Mt. 9.17).
17.28 A Parábola do rico insensato (Lc. 12.16-21).
17.29 A Parábola dos servos vigilantes (Mc. 13.34-37).
17.30 A Parábola do senhor e do servo (Lc.17.7-10).
17.31 A Parábola dos dois filhos (Mt. 21.28-32).
17.32 A Parábola dos lavradores maus (Mt. 21.33-41).
17.33 A Parábola da festa de bodas (Mt. 22.1-14).
17.34 A Parábola das dez virgens (Mt. 25.1-13).
17.35 A Parábola dos dez talentos (Mt. 25.14-30).
17.36 A Parábola da videira verdadeira (Jo. 15.1-11).
17.37 A Parábola dos dois devedores (Lc. 7.41-43).
17.38 A Parábola do pai de família (Mt. 13.53)
17.39 A Parábola da semente (Mc 4.26-29)
17.40 A Parábola da figueira renovada (Mt. 24.32-35)
17.41 A Parábola do custo dos discípulos (Lc. 14.28-33)
S “Creio que há ainda muitas outras cousas que Jesus ensinou” (Jo.
21.25).
18 Você sabe quantos m ilagres Jesus realizou a distância e
sem ver a pessoa beneficiada? Obsei~ve bem:
18.1 Jesus curou a distância o criado do Centurião Romano e sem
vê-lo (Mt. 8.5-10).
18.2 Jesus curou a distância a filha da mulher cananéia e sem vê-la
(Mt. 15.21-28).
18.3 Jesus curou o filho de um oficial do rei a distância de cerca de
10 km do lugar que Jesus proferiu a cura. Jesus estava em
98 SUPER INTERESSANTE
Caná da Galiléia e o enfermo estava em Cafamaum (Jo.
4.46-54).
18.4 As notícias corriam por todas as partes da Palestina e além
das fronteiras, de forma que a história testemunha que até
mesmo um determinado Monarca de Edessa (região do outro
lado do Eufrates), rei Abgare, que tinha seu corpo destroçado
por uma doença terrível e incurável, escreveu uma carta para
Jesus, solicitando a distância, a cura de sua enfermidade.
Veja agora a cópia da carta dirigida a Jesus na íntegra: “Abgaro
Ucama, toparca, a Jesus, o bom Salvador que surgiu na região
de Jerusalém, saudações: Tem chegado a meus ouvidos
notícias acerca de tua pessoa e de tuas curas, que, ao que parece,
realizadas sem empregar remédios ou ervas, pois pelo
que se conta, fazes com que os cegos recebam a visão e os coxos
andem; limpas os leprosos e retiras espíritos impuros e
demônios; curar os que estão atormentados por longa enfermidade
e ressuscitar os mortos. E eu, ao ouvir tudo isto de ti,
pus-me a pensar que, de duas possibilidades: ou és Deus, que
descendo pessoalmente do céu realizas estas maravilhas, ou
és Filho de Deus, já que fazes tais obras. Este é, pois, o motivo
para escrever-te rogando-te que te apresses a vir a mim e curar-me
do mal que me aflige. Porque também tenho ouvido
que os judeus andam murmurando contra ti e querem fazer-te
mal. Muita pequena é minha cidade, mas digna, e bastará
para dois.”
18.5 Segundo Eusébio de Cesaréia (IV séc. a.C.), Jesus respondeu
a Carta enviada pelo rei de Edessa, Abgaro, da seguinte forma:
“RESPOSTA DE JESUS A ABGARO, TOPARCA, POR
MEIO DO MENSAGEIRO ANANIAS.” “Bem-aventurado tu,
que creste em mim sem ter me visto. Porque de mim está escrito
que os que me viram não crerão em mim, e que aqueles
que não me viram crerão e terão a vida. Mas, acerca do que
me escreveste de ir para junto de ti, é necessário que eu cumpra
aqui por inteiro a minha missão e que, depois de havê-lo
consumado, suba novamente ao que me enviou. Quando tiver
subido, te mandarei algum de meus discípulos, que sanará
a tua doença e trará a vida a ti e aos teus”.
A essas duas cartas estava anexado nos arquivos encontrados
em Edessa, ainda em siríaco o seguinte: “Depois da ascensão
de Jesus, Judas, chamado também Tomás, enviou-lhe como
apóstolo a Tadeu, um dos setenta, o qual chegou e se hospedou
na casa de Tobias, filho de Tobias. Quando se espalhou a
notícia sobre ele, avisaram a Abgaro que havia chegado ali
um Apóstolo de Jesus, corno tinha sido descrito na carta.”
ERIVALDO DEJESUS 99
19 Você sabe porque Cafarnaian foi a cidade que Jesus
mais operou milagi’es durante o seu ministério terreno?
Veja bem:
19.1 Em Cafarnaum Jesus curou um paralítico (Mt. 9.1-8).
19.2 Em Cafarnaum Jesus curou o servo cie um centurião romano
(Mt. 8.5-13).
19.3 Em Cafarnaum Jesus curou dois cegos (Mt. 9.27-31).
19.4 Em Cafarnaum Jesus curou um homem mudo e endemoninhado
(Mt. 9.32-33).
19.5 Em Cafarnaum Jesus libertou um homem possesso de espírito
imundo (Mc. 1.21-27).
19.6 Em Cafarnaum Jesus curou a sogra de Pedro (Mt. 8.14; Mc.
1.30-31).
19.7 Em Cafarnaum o filho de um oficial do rei recebeu a cura proferida
por Jesus, que estava em Caná da Galiléia (Jo. 4.46).
19.8 Cafarnaum era conhecida como a própria cidade de Jesus
(Mt. 9.1).
19.9 Em Cafarnaum ficava a “casa” de Jesus (Mc. 2.1; Mt. 4.13).
19.10 Foi em Cafarnaum que Jesus chamou Mateus (Levi) para ser
o seu discípulo (Mt. 9.9).
19.11 Cafarnaum era o lugar onde residiam Pedro e André (Mc.
1.29).
19.12 Foi em Cafarnaum que ocorreu aquele caso de ser chamado
um menino para uma licão aos seus discípulos (Mt. 18.1; Mc.
9.33).

FONTE : 500 Curiosidades Bíblicas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *