A última oração mencionada na Bíblia é “Ora, vem, Senhor
Jesus” (Ap 22.20), indicando que os servos de Deus devem estar
preparados, como se o Arrebatamento da Igreja fosse ocorrer
a qualquer momento. Mas, diante do cumprimento de tantos
sinais indicadores da Segunda Vinda, por que o nosso Senhor
ainda não veio buscar o seu povo especial, zeloso de boas obras
(Tt 2.13,14)?
Vemos que os terremotos, guerras, fomes, pestilências, violência,
degradação moral e perseguições contra os que pregam o evangelho,
opondo-se ao pecado, têm aumentado consideravelmente
neste novo milénio. Observe o que já ocorreu, em pouco tempo,

no mundo, e o que ainda pode acontecer. Por que a trombeta de
Deus ainda não soou? O que falta para o Senhor descer do céu
com alarido e voz do arcanjo?
A Palavra do Senhor afirma que Deus não retarda a sua promessa,
ainda que muitos a têm por tardia (2 Pe 3.9). Essa aparente
demora para que sua promessa se cumpra tem feito com que
desavisados neguem a realidade do Arrebatamento da Igreja e até
escarneçam dele, o que também não deixa de ser um sinal indicador
da Segunda Vinda (vv.3,4). Por outro lado, teólogos (teólogos?),
tomando como base cálculos mirabolantes, estão fazendo
previsões da vinda do Senhor e do fim do mundo.
É impossível determinar o dia e a hora do Arrebatamento da
Igreja, como vimos. O fato de a Palavra do Senhor afirmar que
um dia para Deus é como mil anos, e mil anos, como um dia (2 Pe
3.8), não significa que um dia divino equivalha a mil anos nossos.
Mas denota que, para o Senhor, seriam exatamente a mesma coisa:
ter vindo buscar o seu povo há mil anos; retornar agora; ou
voltar daqui a mil anos. Ele não está preso ao nosso cronometro.
Passado, presente e futuro são coisas do ser humano. Para Ele,
tudo isso é um eterno presente.
Então, por que o Senhor Jesus ainda não veio buscar a sua
Igreja? A Palavra de Deus assevera que Ele ainda não voltou porque
é longânimo e misericordioso, não querendo que alguns se
percam, mas que todos venham a se arrepender (2 Pe 3.9). Considerando
que, para Jesus, seria exatamente a mesma coisa ter
voltado ontem, voltar hoje ou amanhã, Ele tem adiado, por assim
dizer, o cumprimento da sua promessa para que mais vidas sejam
salvas, mediante a pregação do evangelho, e muitos servos de
Deus, desviados, desapercebidos, estejam preparados para aquele
grande Dia (Fp 3.20,21; Tt 2.11-14).
O Senhor virá buscar uma Igreja que já está pronta. Na parábola
das dez virgens, as loucas, que estavam se preparando,
não entraram com o noivo paras as Bodas, mas as prudentes,
preparadas, entraram com Ele, e a porta se fechou (Mt
25.1-13). Não falta mais nada para que o Arrebatamento da
Igreja

aconteça. E isso não ocorreu ainda tão-somente por causa da
longanimidade e da misericórdia do Senhor. Mas Ele pode voltar
a qualquer momento.
Você está preparado para o grande encontro com o Senhor Jesus?

 

fonte: Erros Escatológicos que os Pregadores Devem Evitar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *